! Thiago Pereira bate recorde sul-americano nos 100 m medley - 10/09/2004 - UOL Esporte - Natação
UOL EsporteUOL Esporte
UOL BUSCA


  10/09/2004 - 11h58
Thiago Pereira bate recorde sul-americano nos 100 m medley

Da Redação
Em São Paulo

O nadador Thiago Pereira bateu o recorde sul-americano dos 100 metros medley de piscina curta (25m) nesta sexta-feira, no Troféu José Finkel, em Santos. O atleta nadou a prova em 53s72, mais de um segundo abaixo do recorde antigo, que era dele mesmo, de 54s95. Seu tempo também lhe garantiu a presença no Mundial de Indianápolis, cujo índice é de 55s28. Em segundo e terceiro lugar ficaram Fernando Silva, com 55s39 e Renan Rossi, com 55s67.

CBDA 
Thiago Pereira é uma das maiores promessas da natação brasileira
Ao sair da piscina, o nadador mostrava-se surpreso com seu desempenho. "Melhorei meu tempo em um segundo, foi uma grande surpresa pra mim, estou muito feliz", comentou Thiago em entrevista ao canal Sportv.

Já Kaio Márcio e Nicholas dos Santos foram os primeiros na final dos 50 metros borboleta e também atingiram índice para o Mundial de 50 metros, sendo que Márcio bateu o recorde sul-americano também. Os dois, respectivamente primeiro e segundo colocados da prova, fizeram tempos abaixo do índice, que é de 24s13. Kaio Márcio fez 23s33 e superou a marca da Nicholas dos Santos, da Unisanta, de 23s41. Nicholas ficou com a prata (23s74) e Marco Antônio Sapucaia, também da Unisanta, levou o bronze (23s85).

"De jeito nenhum esperava este resultado. Depois de uma competição como os Jogos Olímpicos a gente só pensa em tirar férias. Com certeza vou ao Mundial, só espero poder repetir o bom desempenho que tive aqui", disse Márcio.

Nos 200 metros costas, o primeiro lugar ficou com o jovem Lucas Salatta, de 17 anos. O nadador fez o tempo de 1min55s82, ficando à frente de Guilherme Guido e do experiente Rogério Romero, que, segundo Salatta, foi sua referência na natação. "Para mim, é uma honra vencer um cara que é um exemplo para minha carreira", revelou o nadador. Seu tempo, no entanto, não atingiu o índice para o Mundial, que é de 1min55s44. Sallata já está confirmado em Indianápolis em outra prova, já que atingiu o índice nos 400 metros costas.

Na final dos 400 metros livre, a vitória ficou para um argentino, Juan Pereira, com o tempo de 3min50s61. Em segundo ficou com Bruno Bonfim, com 3min50s90 e, em terceiro, Rodrigo Castro, que nadou a prova em 3min51s20. Ninguém atingiu o índice para o Mundial, que é de 3min49s18.

Nos 4 x 50 m livre, a vitória ficou com o Esporte Clube Pinheiros, com o tempo de 1min26s80. Nicholas dos Santos bateu o recorde sul-americano nos 50 metros, com o tempo de 21s32, contra o recorde anterior de 21s36. Só que a marca não será validada como novo recorde, já que a equipe do Pinheiros não havia solicitado que o tempo individual de seus nadadores valessem para uma possível quebra de recorde. "Não esperava nadar nesse tempo, é uma pena. Mas posso atingir essa marca de novo", afirmou o nadador.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS
03/09/2007
Mais Notícias