Márquez surpreende e nocauteia Pacquiao na 4ª luta entre eles; filipino quer revanche

Do UOL, em São Paulo

  • AFP PHOTO / John Gurzinski

    Manny Pacquiao fica desacordado na lona ao ser nocauteado por Juan Manuel Marquez

    Manny Pacquiao fica desacordado na lona ao ser nocauteado por Juan Manuel Marquez

O mexicano Juan Manuel Marquez havia entrado por três vezes no ringue contra Manny Pacquiao, considerado o melhor pugilista da atualidade. Depois de duas derrotas e um empate, ele precisou do quarto duelo para provar seu valor e surpreendeu com um nocaute no sexto assalto, na madrugada deste domingo, em Las Vegas.

Em um combate sem disputa de cinturão e em que Pacquiao tentava se recuperar de uma derrota polêmica para Timothy Bradley, em junho, Márquez brilhou. Conseguiu levar o deputado filipino à lona no segundo assalto e no sexto, com um golpe certeiro de encontro, deixou Pacquiao desacordado na lona.

O golpe do mexicano de 39 anos foi nos segundos finais do assalto, quando o árbitro já se preparava para separar os lutadores. Uma direita precisa derrubou o filipino, deixando às lágrimas a mulher do lutador, na plateia VIP da MGM Grand Garden Arena.

"Nós sabíamos que seria uma luta dura para nós, mas tínhamos a noção de que podíamos vencer", comemorou o mexicano, que tem 55 vitórias, seis derrotas e um empate na carreira, chegando agora a 40 nocautes.

"Ele não é um oponente fácil", lamentou Pacquiao, que agora tem 54 vitórias, cinco derrotas e dois empates no cartel. "Fiz meu melhor, mas acho que fiquei confiante demais e fui pego por aquele soco muito sólido. Eu não esperava por aquele golpe."

Questionado se a derrota pode levar a mais um combate com Márquez, Pacquiao concordou. "Sim, como não? Seria uma boa luta."

Últimas de Esporte



Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos