UOL Esporte Futebol
 

Encontre jogadores de futebol

Fechar

Biografias

Liedson
Nome completoLiedson da Silva Muniz
Clube atualPorto
PosiçãoAtacante
Data de nascimento17/12/1977
NacionalidadeLuso-brasileira
Local de nascimentoCairú (BA)
Altura1,75m
Peso63kg

História

  • Poções (BA): 2000-2001
  • Prudentópolis (PR): 2001
  • Coritiba (PR): 2001-2002
  • Flamengo (RJ): 2002
  • Corinthians (SP): 2003
  • Sporting (POR): 2003-2011
  • Corinthians (SP): 2011-2012
  • Flamengo (RJ): 2012
  • Porto (POR): 2013-
  • Campeonato Paulista - 2003 - Corinthians
  • Taça de Portugal - 2006/2007 - Sporting
  • Taça de Portugal - 2007/2008 - Sporting
  • Super Taça Cândido de Oliveira - 2006/2007 - Sporting
  • Super Taça Cândido de Oliveira - 2007/2008 - Sporting
  • Campeonato Brasileiro - 2011 - Corinthians
  • Copa Libertadores - 2012 - Corinthians

O atacante brasileiro seguiu os passos dos compatriotas Deco e Pepe e se naturalizou português para defender o país na Copa do Mundo. Aos 32 anos, Liédson chegou a brilhar no futebol brasileiro antes de deixar o país, ao contrário de Deco e Pepe, que construíram as suas carreiras em Portugal.

O atleta chamou a atenção pelas boas atuações pelo Coritiba, onde atuou entre 2001 e 2002. Em seguida, se transferiu para o Flamengo. No clube carioca, Liédson confirmou a fama de goleador, marcando 15 gols no Campeonato Brasileiro de 2002. No ano seguinte, foi contratado pelo Corinthians, sagrando-se campeão paulista.

O talento de Liédson chamou a atenção de clubes estrangeiros. Veloz e oportunista, ele foi contratado pelo Sporting em 2003. E fez história. Em sete anos no clube, o brasileiro atuou em 193 partidas, marcando 109 gols. Com 19 gols, o atacante se tornou o maior artilheiro do Sporting em competições internacionais.

Em 2009, Liédson se naturalizou português e passou a ser convocado pelo técnico Carlos Queiroz para as eliminatórias da Copa de 2010, disputando seis jogos e marcando dois gols, no empate por 1 a 1 com a Dinamarca, em setembro de 2009, e na vitória por 3 a 0 sobre a Hungria, em outubro do mesmo ano.

Disputou a Copa do Mundo por Portugal, quando foi titular na estreia, mas perdeu lugar no time a partir de então. Entrou durante o segundo tempo contra a Coreia do Norte e marcou um gol.

No início de 2011, acertou sua volta ao Corinthians. No Paulistão do mesmo ano foi vice-campeão e artilheiro do torneio com 11 gols. Já no Brasileirão foram 12 gols e o primeiro título na sua volta ao Brasil.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host