! Paraná falha, só empata contra lanterna e 'virtual rebaixado' Barueri e sai vaiado - Futebol - $estacao.titulo

UOL futebol

  • http://esporte.uol.com.br/futebol/campeonatos/brasileiro/serie-b/ultimas-noticias/2012/09/14/parana-x-barueri.htm
  • Paraná falha, só empata contra lanterna e 'virtual rebaixado' Barueri e sai vaiado
  • 15/09/2014
  • UOL Esporte - Futebol
  • @UOLEsporte #UOL
  • 2
Tamanho da letra
14/09/2012 - 21h23

Paraná falha, só empata contra lanterna e 'virtual rebaixado' Barueri e sai vaiado

Do UOL, em São Paulo

Em casa e diante de um rival ‘virtualmente’ rebaixado. Teoricamente, o Paraná tinha tudo para superar o lanterna Barueri. Na prática, não foi o que aconteceu. O time paranista não jogou bem, saiu atrás do marcador, apenas empatou por 1 a 1, na noite desta sexta-feira, e deixou a Vila Capanema vaiado.

O resultado é trágico para o Paraná. Teve uma sequência diante de três integrantes da degola. Queria dar salto na tabela, mas só venceu um (Bragantino), perdeu para o Guará e empatou contra o Barueri. Com isso, segue estacionado na parte intermediária, com 32 pontos. Já o time paulista continua em último, com apenas 14 pontos.  

Aliás, a equipe treinada por Roberto Cavalo sabia que não iria adiantar pensar apenas em marcar o rival. Por isso, decidiu atacar. O Paraná, por outro lado, se mostrava até certo ponto ‘tímido’ para quem jogava em casa. Uma bola na trave, aos 13min, foi uma dos raros momentos de perigo do time de Ricardinho.

Não bastasse isso, Anderson, que voltou ao time nesta sexta-feira, sofreu lesão muscular e acabou sendo substituído ainda na etapa inicial. Para piorar, a postura ‘sonolenta’ do time paranista custou caro. Aos 26min, a defesa apenas olhou uma cobrança de escanteio do Barueri, e Alex Lima usou a cabeça para fazer 1 a 0.

O Paraná sentiu. Demonstrava nervosismo e errava passes. Mesmo assim, chegou ao empate. Aos 40min, Luisinho fez bela jogada e rolou para Fernandinho tocar para o fundo das redes. “Começamos bem, mas fomos surpreendidos. Temos condição de virar esse jogo”, comentou o próprio Fernandinho.

O empate deu ânimo ao Paraná, que voltou diferente para a segunda etapa. Adiantou sua marcação e passou a pressionar. Mas dava espaços para o contra-ataque. Em um deles, aos 20min, Alex Alves evitou o segundo dos paulistas quase em cima da linha. Na base da vontade, o Paraná insistiu, mas não evitou o tropeço em casa.