UOL futebol

  • http://esporte.uol.com.br/futebol/campeonatos/mineiro/ultimas-noticias/2013/02/02/victor-diz-que-atletico-mg-tem-de-transformar-ansiedade-em-motivacao-no-classico.htm
  • Victor diz que Atlético tem de transformar ansiedade em motivação no clássico
  • 19/04/2014
  • UOL Esporte - Futebol
  • @UOLEsporte @UOL
  • 2
Tamanho da letra
Victor crê que falta de ritmo não será problema para o Atlético no 1º jogo oficial do ano

Victor crê que falta de ritmo não será problema para o Atlético no 1º jogo oficial do ano

02/02/2013 - 13h01

Victor diz que Atlético tem de transformar ansiedade em motivação no clássico

Do UOL, em Belo Horizonte

A falta de ritmo neste início de temporada não pode ser encarada como problema para o Atlético-MG, segundo o goleiro Victor, no clássico com o rival Cruzeiro, neste domingo, às 17h, na reabertura do Mineirão. De acordo com o experiente jogador, é preciso buscar motivação até mesmo na ansiedade antes do tradicional duelo mineiro.

“É normal que essa ansiedade faça parte do ambiente. O dia que o jogador não sentir ansiedade para entrar em campo e fazer um bom jogo é o dia de ele pendurar as chuteiras. Sem dúvida essa ansiedade existe, mas ela tem de ser transformada em motivação. Então, procurar se motivar cada minuto que falta para a partida para chegar domingo e fazer um grande jogo”, observou Victor.

O clássico de domingo marcará a estreia oficial de Atlético e Cruzeiro na temporada. O confronto foi escolhido para ser o jogo inaugural do Mineirão, que volta a funcionar depois de ficar dois anos e meio em reforma para a Copa do Mundo de 2014.

Atlético e Cruzeiro têm início de ano atípico e semana "cheia" antes do clássico

  • Bruno Cantini/Flickr do Atlético-MG

    Num início de temporada atípico, Atlético e Cruzeiro enfrentam-se logo no primeiro jogo oficial de 2013, neste domingo, que marcará a reabertura do Mineirão, que passou dois anos e meio fechado para ser reformado. A última semana dos rivais mineiros foi marcada por expectativas dos dois lados: negociações nos bastidores, ?mistério? nas equipes, encontro de treinadores e diferentes preparações nos treinamentos. Enquanto o técnico Cuca sinaliza que deve manter a base vice-campeã brasileira de 2012 para a partida. Marcelo Oliveira teve a missão de formar uma equipe em pouco menos de mês, convivendo com problemas de contusão.

A partida é válida pela terceira rodada do Campeonato Mineiro e foi antecipada a pedido do governador de Minas, Antônio Anastasia, para marcar o reinício do estádio da Pampulha. Para Victor, o Atlético lutará pelo bicampeonato estadual, independentemente de disputar a Libertadores.

“Meu foco é em cima de conquistas, e a primeira conquista que a gente quer este ano é, sem dúvida, o Campeonato Mineiro. Independentemente de importância, a gente quer ser campeão. Muito tem se falado, muito tem se focado em Libertadores, mas o Mineiro é importante da mesma forma e a gente vai atrás desse bicampeonato”, afirmou.

O goleiro atleticano disse que a falta ritmo pode ser compensada pela vontade dos atletas em campo. “Se não está 100%, a gente procura estar próximo disso, até porque a gente ainda não jogou este ano, ainda falta aquele ritmo. Mas, em se tratando de um clássico, a gente procura buscar motivação, procura buscar se acertar o quanto antes”, ressaltou Victor.

Placar UOL no iPhone