UOL futebol

  • http://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/2012/01/27/em-festa-para-vagner-love-presidente-se-autopromove-e-diz-que-vai-pensar-na-volta-de-adriano.htm
  • Na festa de Love, presidente se promove e diz que pensará na volta de Adriano
  • 19/08/2014
  • UOL Esporte - Futebol
  • @UOLEsporte @UOL
  • 2
Tamanho da letra
Vagner Love estava com o sorriso estampado no rosto durante toda a festividade

Vagner Love estava com o sorriso estampado no rosto durante toda a festividade

27/01/2012 - 14h14

Na festa de Love, presidente se promove e diz que pensará na volta de Adriano

Bernardo Gentile
Do UOL, no Rio de Janeiro

A festa organizada para receber Vagner Love, nesta sexta-feira, na sede do remo do Flamengo, na Lagoa, foi marcada pela presença em massa dos torcedores, de rubro-negros famosos e pela promoção da presidente do clube, que se vangloriava por ter contratado Ronaldinho Gaúcho, em 2011, e o atacante em 2012. Patrícia Amorim afirmou na coletiva de imprensa e na festividade que foi em sua gestão que ocorreram essas duas contratações.

Love é apresentado no Fla e chora: 'Amo este clube e se puder morro aqui'

  • As tranças do cabelo estão em vermelhas e pretas, assim como sempre foi seu coração. Após muita negociação, o Flamengo conseguiu contratar Vagner Love junto ao CSKA (RUS) e a apresentação do atacante nesta sexta-feira, na Gávea, foi marcada por uma grande festa da torcida rubro-negra. O sorriso não saia da boca do jogador, que assim como em 2010, demonstrava grande satisfação por estar defendendo seu time de infância.

Empolgados com a contratação do matador, os flamenguistas (aproximadamente mil estiveram presentes) não perderam a oportunidade e gritaram o nome de Adriano. A mandatária abriu um sorriso e garantiu que pensaria com carinho na possibilidade, mesmo com o imperador tendo grande resistência na diretoria e na comissão técnica. Como não poderia deixar de ser, a comemoração também contou com muita provocação a Thiago Neves. O meia, que recentemente trocou a Gávea pelas Laranjeiras, foi xingado pelos torcedores, que entoavam cânticos dizendo que o Flamengo não precisava do jogador.

"Tá bem gente, já ouvi vocês. Fiquem tranquilos que eu prometo pensar com carinho, tá?", disse Patrícia sobre Adriano, hoje no Corinthians.

A festa foi comandada pelos funkeiros Mc Buchecha, Menor do Chapa e Priscila Nocetti, da Furacão 2000. A turma do samba também marcou presença nas figuras de Dudu Nobre e a bateria da Portela, que animou os rubro-negros. Um dos que estavam mais animados era o vice de finanças, Michel Levy, um dos principais responsáveis na contratação de Love. O dirigente, inclusive, chegou a arriscar algumas danças em cima do palco, levando os torcedores às gargalhadas.

A comemoração, no entanto, durou apenas cerca de 40 minutos e o jogador voltou para a sede do clube, onde continuou a festejar com a diretoria e alguns membros de torcida organizada, na Loja Oficial. Neste momento, a imprensa teve seu trabalho dificultado pela falta de organização criada pelo tumulto de torcedores que queriam entrar onde não era permitido. Os seguranças, apesar da educação, não conseguiram cumprir seus papeis e os jornalistas, muitas vezes, foram impedidos de desempenhar suas funções.

Confusões a parte, os flamenguistas queriam mesmo era comemorar a volta do seu matador, que em sua curta passagem em 2010, disputou 29 partidas, marcando 23 gols, média de 0,79 por jogo. Desta vez, entretanto, a dupla de ataque será formada com Ronaldinho Gaúcho e não Adriano. Se a parceria terá o mesmo sucesso de a dois anos atrás só o tempo dirá.

VÁGNER LOVE CHORA NA SUA APRESENTAÇÃO NO FLAMENGO

Placar UOL no iPhone