UOL futebol

  • http://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/2012/04/18/zagallo-vai-para-disputa-por-cargo-na-cbf-voces-vao-ter-que-me-engolir-mais-uma-vez.htm
  • Zagallo vai para disputa por cargo na CBF: "Vocês vão ter que me engolir mais uma vez"
  • 24/10/2014
  • UOL Esporte - Futebol
  • @UOLEsporte @UOL
  • 2
Tamanho da letra
Zagallo foi indicado à vice-presidência da CBF pela federação de futebol do RJ

Zagallo foi indicado à vice-presidência da CBF pela federação de futebol do RJ

18/04/2012 - 14h45

Zagallo vai para disputa por cargo na CBF: "Vocês vão ter que me engolir mais uma vez"

Vinicius Konchinski*
Do UOL, no Rio de Janeiro

A briga política pela vice-presidência da CBF não abalou a vontade de Zagallo em disputar o cargo na confederação. Em entrevista coletiva nesta quarta-feira, Zagallo confirmou sua candidatura à vaga e declarou: "Vocês vão ter que me engolir mais uma vez."

Animado com a possibilidade de contribuir novamente com o futebol nacional, o ex-jogador e ex-técnico da seleção disse estar preparado para assumir o cargo de vice da CBF. Ressaltou que poderia ajudar na preparação da seleção brasileira para a Copa do Mundo de 2014 e prometeu ação.

"Eu não iria ficar sentado, não. Vocês me conhecem", disse ele, na sede da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj). "Seria minha última Copa do Mundo. Esta é minha última oportunidade de levar o Brasil ao seu hexacampeonato. Eu iria colaborar muito pela experiência que eu tenho."

O próprio Zagallo admitiu que a seleção brasileira é sua prioridade e bandeira de campanha para a cadeira de vice da CBF. Perguntando sobre a política na entidade máxima do futebol nacional, o velho Lobo respondeu: "As coisas burocráticas eu vou estar lá acompanhando, aprendendo, mas eu estou pensando mesmo é na seleção brasileira."

Mario Jorge Lobo Zagallo foi indicado na semana passada pela Ferj para o cargo de vice-presidente da CBF, representante dos estados de São Paulo e Rio de Janeiro. A expectativa da entidade é que ele fosse candidato único à vaga.

Na terça-feira, porém, o presidente da Federação Paulista de Futebol (FPF), Marco Polo Del Nero, anunciou que ele também pretende disputar a vaga. A notícia escancarou um conflito político entre paulistas e fluminenses por mais espaço na confederação de futebol.

A candidatura de Zagallo era a chance de a federação do Rio de Janeiro tentar equilibrar as forças com a FPF. Desde a chegada de José Maria Marin à presidência da CBF, paulistas vêm ganhando cada vez mais espaço na confederação, principalmente Del Nero.

O presidente da FPF ganhou um cargo na Fifa após a posse de Marin. Também acompanha o presidente da CBF em quase todos seus compromissos oficiais e é forte candidato a assumir a presidência da confederação caso Marin deixe o cargo.

Nos bastidores da CBF, a possibilidade de Del Nero chegar à presidência é muito comentada. Por isso, algumas federações tentam evitar que o presidente da FPF assuma a vice-presidência da confederação. Se isso acontecer, bastaria que Marin renunciasse para que Del Nero subisse à chefia da CBF.

*Atualizada às 16h

A carreira de Zagallo
A carreira de Zagallo

 

Placar UOL no iPhone