! Jogador acusa Fábio Costa de chamá-lo de macaco e ameaça processo; goleiro minimiza - Futebol - $estacao.titulo

UOL futebol

  • http://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/2013/04/22/jogador-acusa-fabio-costa-de-chama-lo-de-macaco-e-ameaca-processo.htm
  • Jogador acusa Fábio Costa de chamá-lo de macaco e ameaça processo; goleiro minimiza
  • 22/10/2014
  • UOL Esporte - Futebol
  • @UOLEsporte @UOL
  • 2
Tamanho da letra
Fábio Costa
Fábio Costa
22/04/2013 - 11h08

Jogador acusa Fábio Costa de chamá-lo de macaco e ameaça processo; goleiro minimiza

Leandro Carneiro e Bruno Thadeu
Do UOL, em São Paulo

O lateral Samuel Santos, do São Caetano, acusa o goleiro Fábio Costa de proferir palavras racistas após desentendimento durante treinamento da equipe, no sábado. Samuel disse ter ficado magoado com a postura do goleiro e informou ao UOL Esporte que se reunirá com seus representantes para estudar processo na Justiça.

A reportagem apurou que houve uma troca de ofensa de ambos os lados; Samuel e Fábio trocaram palavrões.

O UOL Esporte entrou em contato com o São Caetano para ouvir Fábio Costa, mas o clube informou que o goleiro, assim como o lateral, estão proibidos de dar entrevistas sobre o caso.

Samuel, que é negro, deu sua versão sobre o que Fábio Costa teria dito após lance durante treino no estádio Anacleto Campanella.

“O que você está falando aí, seu macaco vagabundo!”, teria dito o goleiro.

Samuel disse que estranhou o comportamento de Fábio Costa.

“Na hora eu falei: ‘O que é isso, Fábio. Você está maluco? Que macaco o que? Eu já te desrespeitei para você me tratar assim?’”, continuou Samuel.

SAMUEL SANTOS FAZ DESABAFO AO UOL ESPORTE APÓS ATRITO COM GOLEIRO

  • "Jamais esperava uma reação dele nessa proporção".

    "Fiquei triste da forma como fui ofendido, e tomei dores dos demais negros que há no time. Mas o fato de eu ser homem de Deus e que eu perdoo ele, não tira a possibilidade de enfrentá-lo no tribunal".

    "Como foi dito na nota que o São Caetano publicou, não guardo magoas dele, já estou superando. Mas só quero que isso não se repita mais e não aconteça isso com ninguém. Porque a cor da pele não distingue o caráter da pessoa!".

Em nota oficial, o São Caetano informou que Samuel e Fábio Costa selaram as pazes no domingo e apresentou declaração do goleiro minimizando o entrevero.

“Estávamos de cabeça quente. A fase anda complicada e todo mundo acaba ficando um pouco mais alterado. O importante é que nós já resolvemos o caso e o bate-boca não teve nada a ver com a questão racial, declarou o goleiro Fábio Costa, em nota da assessoria de imprensa do São Caetano.

Horas após o bate-boca, Samuel usou a mídia social para postar a seguinte mensagem : “Orgulho de ser negro!”. Em seguida, a esposa do atleta, Juliana Biondi, comentou: “isso aí amor, nenhum babaca tem o direito de chamar você de macaco”.

Histórico de confusões

Fábio Costa tem longo histórico de confusões. Emerson Leão teve atrito com o goleiro, acusando Fábio de insubordinação e recusa a treinos. Luxemburgo chegou a solicitar publicamente para que o goleiro pedisse desculpas a um torcedor após xingamento na saída da Vila Belmiro.

O goleiro também foi acusado de apontar uma tesoura ao zagueiro Fabiano Eller no vestiário em jogo do Santos. Fábio discutiu com o preparador de goleiros Solito na época de Corinthians e foi acusado de disparar com o veículo no estacionamento mesmo com a presença de repórteres à frente.

Um ciclista acusou Fábio Costa de perseguição após batida de trânsito. Em 2009, o atleta levou à esposa Mônica ao CT do Santos para dizer que não tinha mais entrado em contato com Ana Cláudia Melo, 18, que morreu assassinada. O goleiro disse que conhecia Ana Cláudia como amigo, mas negou envolvimento amoroso ou ligação na morte da jovem.  

Confira depoimento de Samuel dado ao UOL Esporte sobre o entrevero com Fábio Costa:

Acontecimento:
Sábado no treinamento recreativo realizado no Anacleto Campanella houve uma discussão minha com o goleiro Fábio Costa. No entanto era uma discussão normal, e que acontece no mundo do futebol. Só que depois da discussão, eu conversando com um outro colega de trabalho, o Fábio Costa gritou dizendo: O QUE VOCÊ ESTÁ FALANDO AÍ, SEU MACACO VAGABUNDO!
 
Na hora eu falei: “O que é isso, Fábio, tá maluco, que macaco o que? Eu já te desrespeitei pra você me tratar assim?

Daí rolou mais algumas discussões e acabou por aí
 
Fiquei muito chateado com o acontecido. Chateado também porque em nota ele negou. Se ele teve atitude pra me ofender, ele também tinha que ter pra assumir. Jamais esperava uma reação dele nessa proporção. Mas eu sendo HOMEM DE DEUS eu perdoo. Porque não sei se tinha acontecido alguma coisa com ele fora do São Caetano, ou se ele estava passando por algum problema psicológico. Fiquei triste da forma como fui ofendido, e tomei dores dos demais NEGROS que há no time. Mas o fato de eu ser homem de Deus e que eu perdoo ele, não tira a possibilidade de enfrentá-lo no tribunal. Estou me reunindo com a minha esposa, meu empresário Ely Coimbra e meus familiares pra comentarmos o fato e tentar resolver da melhor forma possível.
 
Mas como foi dito na nota que o São Caetano publicou, não guardo magoas dele, já estou superando. Mas só quero que isso não se repita mais e não aconteça isso com ninguém. Porque a COR DA PELE NAO DESTINGUE O CARÁTER DA PESSOA!
 
E em nenhum momento eu quis me aproveitar da situação pra me promover em cima do nome Fábio Costa.
E em momento nenhum eu repreendi a minha esposa pela a atitude que ela teve, pois ela não mentiu e sofreu junto comigo com esse caso!
 
Abraço e Obrigado!

Samuel Santos

Placar UOL no iPhone