Dirigente da Internazionale diz que acerto com Yaya Touré está próximo

Do UOL, em São Paulo

  • Getty Images

    Yaya Touré deverá voltar a trabalhar com o técnico Roberto Mancini em 2016

    Yaya Touré deverá voltar a trabalhar com o técnico Roberto Mancini em 2016

Os dias de Yaya Touré em Manchester parecem estar chegando ao fim. Pelo menos é o que indica o vice-presidente da Internazionale, o ex-jogador Javier Zanetti.

Em entrevista ao jornal italiano Gazzetta dello Sport, o dirigente confirmou que as negociações para que o marfinense siga para a Itália estão próximas de um desfecho. "Nós estamos em um estágio cuja negociação está próxima de ser finalizada. O Touré nos fará dar um salto de qualidade", afirma o executivo.

O marfinense, que possui um dos salários mais altos do Campeonato Inglês, marcou apenas 10 gols em 28 partidas disputadas no torneio neste ano. Apesar de criticado por não mostrar-se decisivo em jogos relevantes, Touré está no clube há dois anos, desde que foi contratado junto ao Barcelona.

Outro jogador que interessa a Internazionale é um velho conhecido da torcida: o brasileiro naturalizado italiano Thiago Motta. Ainda segundo Zanetti, o volante pode ser a peça que falta para que a equipe torne-se mais competitiva e volte a brigar por objetivos maiores.

"Se o Motta chegar, ele irá acrescentar bastante. Ele já conhece o clube, tem experiência, qualidade e é um dos meio-campistas mais eficientes com quem eu joguei. Ele é muito inteligente. Trazer jogadores como ele nos faria dar um salto de qualidade", avalia Zanetti.

A negociação com o brasileiro pode ser mais fácil de concluir do que as tratativas com o marfinense, visto que o contrato de Thiago Motta junto ao PSG será encerrado no meio do ano e ainda não há nenhuma negociação para renovação do vínculo. O brasileiro esteve presente em 24 partidas durante o Campeonato Francês, conquistado pela equipe da capital francesa.

UOL Cursos Online

Todos os cursos