Dirigentes de dez clubes e dupla Fla-Flu se reúnem pela nova Copa Sul-Minas

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Bruno Cantini/Atlético-MG

    Quarto encontro contou com dirigentes de 12 clubes para discutir a nova Copa Sul-Minas

    Quarto encontro contou com dirigentes de 12 clubes para discutir a nova Copa Sul-Minas

Aconteceu nesta tarde de sexta-feira o quarto encontro de dirigentes para discutir o retorno da Copa Sul-Minas em 2016. A reunião foi realizada na Cidade do Galo, centro de treinamento do Atlético-MG. Além dos anfitriões, Cruzeiro, Internacional, Grêmio, Atlético-PR, Coritiba, Figueirense, Criciúma, Avaí, Joinville, Flamengo e Fluminense também foram representados no evento.

Além dos clubes mineiros, catarinenses, paranaenses e gaúchos, a dupla Fla-Flu também foi representada, já que os clubes romperam com a Federação Carioca e pretendem participar da nova Copa Sul-Minas como convidado. Campeão da primeira edição, em 2000, o América-MG ainda trabalha nos bastidores para conseguir um lugar no novo formato.

 "Foi uma reunião muito proveitosa. Entendo que houve um avanço. Outros encontros acontecerão com o objetivo de colocar em prática o desejo que temos na realização da Copa Sul-Minas, que entendo ser uma evolução do nosso calendário", comentou o presidente do Atlético-MG, Daniel Nepomuceno, ao site do clube.

Conforme dito por Nepomuceno, outros encontros estão programados para viabilizar o retorno do torneio e tirá-lo do papel. Detalhes importantes como as datas, equipes participantes e a exploração da mídia ainda precisam ser definidos, assim como um calendário que permita conciliar o torneio com a Copa Libertadora e, ao mesmo tempo, não esvaziar os estaduais.

Uma das propostas visa dividir os clubes em duas chaves. Na fase de mata-mata, seriam disputadas partidas de ida e volta apenas nas quartas e semifinais. A final seria disputada em jogo único, em uma das cidades anfitriãs.

UOL Cursos Online

Todos os cursos