Corinthians nega conversa por Tevez e diz que Malcom pediu para sair

Dassler Marques
Do UOL, em São Paulo

  • Xinhua/Alejandro Santa Cruz/TELAM

    Tevez não vai para o Corinthians, segundo Roberto de Andrade

    Tevez não vai para o Corinthians, segundo Roberto de Andrade

O presidente do Corinthians, Roberto de Andrade, descartou nesta sexta-feira qualquer especulação sobre a volta de Carlos Tevez ao clube paulista. Segundo o dirigente, nunca houve qualquer tipo de negociação com o jogador argentino ou com o Boca Juniors sobre uma possível transferência.

"Não vem, não existe nada. Nunca ninguém conversou com ele, não sei a situação, valores, nada. A gente sabe que não é barato. Se tratando em jogador caro, as dificuldades aumentam. É a mesma coisa se você perguntasse para mim sobre o Messi", disse Andrade.

Recentemente, o site Football Leaks divulgou que Tevez recebe do Boca Juniors mensalmente cerca de R$ 700 mil. Esse valor é R$ 100 mil inferior ao que o Corinthians pagava por mês a Alexandre Pato.

Apesar da negativa sobre Tevez, o presidente corintiano não descartou novas contratações para a temporada. "É difícil cravar isso, porque nunca se encerra. Se eu falo hoje que não vou trazer mais ninguém e amanhã aparece uma oportunidade, vão falar que sou mentiroso", disse.

Malcom

Andrade também falou sobre a saída do atacante Malcom ao Bordeaux, da França. Segundo ele, o jogador manifestou o desejo de sair e o clube não se opôs.

"Desde que assumimos em 2007, por todo o tempo, nesses oito anos, adotamos postura de que não vamos contrariar quem quer ir embora. Se manifesta vontade de sair e a parte comercial agrada ao Corinthians, temos por costume liberar. Malcom não foi diferente", explicou.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos