UOL Esporte Lutas
 
22/10/2009 - 12h03

Top 5 - Grandes lutas entre brasileiros em torneios de vale-tudo

Do UOL Esporte
Em São Paulo
Dois brasileiros serão o foco de todas as atenções do mundo do MMA neste sábado. Lyoto Machida fará sua primeira defesa do cinturão dos meio-pesados do UFC contra Maurício Shogun. Mas essa não será a primeiro, muito menos o último, grande combate entre lutadores do país no vale-tudo. Confira abaixo alguns dos principais enfrentamentos entre brazucas.


Machida x Thiago Silva

Apesar de invicto, Lyoto entrou no octagon questionado, pois tinha vencido quatro das suas cinco lutas no UFC por decisão dos juízes. Criticado, precisava provar que podia vencer dando show. E conseguiu. No último segundo do 1º round, deu um contra-ataque fulminante e nocauteou Thiago Silva na vitória que o colocou na disputa do título dos meio-pesados do UFC contra Rashad Evans.

Cigano x Werdum

Depois de uma carreira de apenas uma derrota em torneios de MMA pelo Brasil, Júnior dos Santos, o Cigano, fazia sua estreia no UFC. O adversário era o experiente Fabrício Werdum, com uma longa passagem pelo Pride. Apesar da menor experiência, Cigano partiu para cima e, com uma estratégia perfeita, nocauteou Werdum com um gancho certeiro e conseguiu sua primeira vitória no UFC.

Shogun x Minotouro

Essa é considerada a melhor luta da história do extinto Pride. Vindo de uma vitória contra Rampage, Shogun buscava a vaga na semi do GP dos médios, que acabaria conquistando. Mas antes, fez um combate memorável e aberto contra Minotouro, com knockdows para os dois lados e muitas possibilidades. No final, vitória dada pelos juízes a Shogun na luta que poderia não ter acabado.

Belfort x Wanderlei Silva

Com apenas 21 anos, Belfort era o fenômeno que no ano anterior tinha vencido do GP dos pesados do UFC. Do outro lado um Wanderlei, que seria campeão dos médios do Pride, ainda em começo de carreira. O palco da luta foi o ginásio da Portuguesa, em São Paulo, na única edição do UFC acontecida no Brasil. Resultado: uma vitória avassaladora de Vitor com apenas 44 seg. de combate.

Anderson Silva x Belfort

A luta ainda não foi nem mesmo oficializada pelo UFC, mas já tem tudo para ser uma das maiores entre brazucas no torneio. Será a 6ª defesa do título dos médios de Anderson Silva e provavelmente contra seu adversário mais complicado. Também será a segunda luta de Vitor após sua volta ao torneio, vindo embalado após a vitória contundente contra Rich Franklin. Janeiro de 2010 espera.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host