Justin Gatlin vence a final dos 100m em Londres e frustra despedida de Bolt

Do UOL, em São Paulo

O norte-americano Justin Gatlin foi o campeão mundial dos 100 metros rasos neste sábado (5), com a marca de 9s92. O resultado frustrou a despedida do astro Usain Bolt, que correu a prova pela última vez e ficou apenas com a medalha de bronze, atrás ainda de Christian Coleman, também dos Estados Unidos, que chegou em segundo.

O Mundial de Londres é o último torneio de Bolt, que se aposentará após o evento. Tricampeão mundial e olímpico da distância, desta vez o jamaicano, de 30 anos, não conseguiu dominar a prova como de costume. Após sua tradicional largada lenta, ele não ultrapassou os adversários na fase intermediária da corrida - cena que ficou famosa ao longo de sua carreira.

Coleman chegou aos metros finais na frente, mas uma arrancada impressionante de Gatlin deu ao experiente norte-americano a medalha de ouro. Coleman chegou em segundo (9s94), com Bolt logo atrás (9s95). A chegada foi bastante acirrada e exigiu o uso do vídeo para determinar o vencedor.

Após ver que havia ficado em terceiro, Bolt foi até Gatlin e cumprimentou o rival. Sem perder a compostura, o jamaicano saudou a torcida e, mesmo não vencendo desta vez, foi novamente o centro das atenções após a prova.

Bolt ainda terá uma chance final de conquistar mais uma medalha de ouro na carreira. Ele correrá o revezamento 4x100 metros com a equipe da Jamaica em sua última prova profissional.



Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos