UOL Esporte Basquete
 
16/01/2010 - 09h28

CBB oficializa argentino Rubén Magnano no comando da seleção masculina

Do UOL Esporte
Em São Paulo
  • Rubén Magnano foi medalha de ouro comandando a seleção argentina nos Jogos Olímpicos de 2004

    Rubén Magnano foi medalha de ouro comandando a seleção argentina nos Jogos Olímpicos de 2004

Depois de duas semanas de negociações e desmentidos, a Confederação Brasileira de Basquete (CBB) oficializou neste sábado a contratação do técnico argentino Rubén Magnano para o comando da seleção masculina.

Medalhista de ouro nos Jogos Olímpicos de Atenas, em 2004, e vice-campeão mundial em 2002 no comando do time nacional da Argentina, Magnano assume a vaga deixada pelo treinador Moncho Monsalve, que esteve à frente do Brasil em 2008 e 2009. O argentino exaltou o desafio de trabalhar no Brasil e a qualidade dos jogadores que terá à disposição para compor a seleção.

"Em primeiro lugar gostaria de agradecer aos dirigentes da CBB pela confiança em mim depositada. Com certeza, é um grande desafio e uma honra desenvolver um trabalho na seleção brasileira. Conto com o apoio dos jogadores, dirigentes e de todos os que amam o basquete brasileiro para desenvolver esse trabalho. O Brasil conta com excelentes jogadores que atuam dentro e fora do país. Vou viajar e conversar com eles para saber como cada um está e os seus objetivos. Também vou trabalhar com a base e colaborar com a Escola Nacional de Treinadores", disse Magnano.

Presidente da CBB, Carlos Nunes, destacou que a negociação foi fechada após longa reunião na sexta-feira para acertar uma série de detalhes. O contrato do Magnano vai até o Torneio Pré-Olímpico Mundial de 2012, podendo ser renovado até os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016. "Ele vai ficar no Brasil durante doze meses e irá ajudar no desenvolvimento dos nossos projetos. Começamos uma nova fase e vamos manter o basquete brasileiro entre os melhores do mundo", afirmou o dirigente.

Como técnico da seleção brasileira, Moncho Monsalve acabou ficando de fora dos Jogos Olímpicos de Pequim em 2008, depois de ser eliminado no pré-olímpico mundial em Atenas. Já no ano passado, levou a equipe nacional ao título da Copa América em Porto Rico e à classificação para o Mundial deste ano, que acontece na Turquia.

Já Rubén Magnano chega para comandar um projeto de longo prazo com a seleção masculina, uma das principais bandeiras de campanha da nova direção da CBB. Ele inicia seus trabalhos já para o torneio mundial, que acontece entre 28 de agosto e 12 de setembro na Turquia.

O argentino assinou contrato com a CBB até 2012, para a disputa dos Jogos Olímpicos de Londres, mas Vanderlei Mazzuchini, diretor da seleção masculina, explicou que há a possibilidade forte de renovação até 2016, para as Olimpíadas do Rio de Janeiro.
 

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host