UOL Esporte Basquete
 
11/05/2010 - 22h28

Marcelinho faz cesta de 3 no penúltimo segundo, Fla bate Franca e vai à final

Do UOL Esporte
Em São Paulo
  • Cestinha da partida desta terça-feira, Marcelinho fez 14 de seus 21 pontos no último quarto do jogo

    Cestinha da partida desta terça-feira, Marcelinho fez 14 de seus 21 pontos no último quarto do jogo

O Flamengo garantiu vaga em sua terceira final nacional consecutiva de basquete masculino. Nesta terça-feira, em partida equilibradíssima contra o Franca, o time carioca conseguiu vencer a equipe do interior paulista por 86 a 85 fora de casa e assegurou um lugar na decisão do NBB 2009/2010.

Em busca de sua terceira taça consecutiva, o Fla contou com uma atuação de gala de seu principal jogador, Marcelinho Machado, no último quarto do confronto. Apagado no primeiro tempo, o ala fez nada menos do que 14 pontos no período decisivo e, de quebra, marcou a cesta da vitória, um arremesso de três pontos no penúltimo segundo do jogo.

“É um trabalho coletivo”, comentou ao Sportv o ‘herói’ da partida. “Eu não estava tendo volume no primeiro jogo, mas sabia que minha hora ia chegar. O time confia em mim, e isso me dá confiança”. Marcelinho foi o cestinha da partida com 21 pontos ao lado de Helinho, do Franca.

A derrota desta terça foi a única do Franca em casa nos playoffs do NBB, mas apesar da eliminação, o time do interior paulista encerra sua campanha com uma colocação melhor do que na temporada passada, quando parou nas quartas de final.

O segundo semifinalista do NBB 2009/2010 sairá do confronto entre Minas e Brasília. O time do Distrito Federal tem 2 a 1 na série e pode garantir sua terceira final consecutiva - a terceira contra o Fla - se vencer o quarto jogo, a ser disputado nesta quinta-feira, às 19h, em Belo Horizonte. Se o Minas triunfar, forçará a realização da quinta e última partida, agendada para sábado, às 16h, em Brasília.

O jogo

O Franca demorou para entrar no jogo e viu o Flamengo abrir vantagem aos poucos no primeiro quarto, até finalizar a etapa com 29-20. O início do segundo quarto seguiu a mesma tônica, e os visitantes chegaram a abrir 14 pontos de diferença no marcador (40-26).

Os jogadores da casa só acordaram após dois sermões do técnico Hélio Rubens. Com as broncas do treinador e o incentivo dos quase 4 mil torcedores presentes no ginásio Pedrocão, o Franca cresceu na partida e conseguiu igualar o placar em uma cesta de três pontos do armador Helinho (42-42). Ainda assim, o Fla fechou o primeiro tempo na frente: 48-47.

O Franca não se desestabilizou e seguiu em ascensão no jogo. Foi assim que as duas equipes fizeram do terceiro quarto o mais equilibrado da partida, revezando-se na dianteira do marcador ao longo de toda a etapa. Na reta final, porém, os anfitriões tomaram a ponta de vez e foram para o último quarto com 63-59.

Comandado por Marcelinho, o Flamengo começou a quarta etapa com muito mais força e fez 5-0 logo de cara, com duas cestas do ala. A evolução do time carioca esbarrou na exclusão de Teichmann, que fez cinco faltas, mas não demorou para que o Flamengo voltasse para o jogo. O empate veio com Marcelinho (73-73), a pouco mais de quatro minutos para o final da partida.

Em uma bola de três do ala-pivô Jefferson, o Fla abriu vantagem de um ponto no marcador (83-82), mas uma cesta de Helinho, logo em seguida, voltou a colocar o Franca na frente (84-83), que ainda se aproveitou do sequente estouro de tempo do ataque flamenguista.

A 19 segundos do final, o Franca ainda abriu mais um ponto de vantagem, mas no penúltimo segundo de jogo, após dois pedidos de tempo do técnico Chupeta, Marcelinho acertou uma de suas bolas de três pontos e colocou o Flamengo na frente (86-85). Os donos da casa tentaram elaborar uma estratégia de ataque, mas o pouco tempo não ajudou, e o time carioca fechou o jogo com vitória.
 

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host