UOL Esporte Basquete
 
Paul Buck/EFE

Kobe Bryant cai em quadra durante a partida entre Los Angeles Lakers e Phoenix Suns

18/05/2010 - 00h33

Com Kobe arrasador, Lakers derrotam os Suns e saem na frente na final do Oeste

Do UOL Esporte
Em São Paulo
  • Steve Nash, astro do Phoenix Suns, tenta fugir da chegada de Derek Fisher, do Los Angeles Lakers

Jogando em casa, o Los Angeles Lakers derrotou o Phoenix Suns na noite desta segunda-feira por 128 a 107 na abertura da final da Conferência Oeste da NBA. A equipe californiana foi liderada pelo astro Kobe Bryant, que mesmo enfrentando problemas físicos, teve excelente atuação, sobretudo a partir do terceiro quarto.

A próxima partida da série melhor de sete será disputada novamente em Los Angeles, o que dá ao time da casa a chance de abrir 2 a 0 na decisão.

Kobe, que sofre com uma lesão no joelho direito, não treinou durante a semana, e mostrou que o descanso lhe fez bem. O ala-armador foi o cestinha do jogo com 40 pontos, além de conseguir cinco rebotes e cinco assistências. Outro destaque dos Lakers foi Lamar Odom, que obteve um duplo-duplo com 19 pontos e 19 assistências.

Pelo lado do Phoenix, Amare Stoudemire marcou 23 pontos, enquanto o astro Steve Nash conseguiu um duplo-duplo (13 pontos e 13 assistências). O brasileiro Leandrinho Barbosa conseguiu 11 pontos no jogo.

Os Suns começaram melhor a partida, e abriram rapidamente uma vantagem de sete pontos. Os Lakers, porém, conseguiram controlar o jogo, e foram liderados por Odom à virada. Ao fim do primeiro quarto, a equipe da casa vencia por 35 a 26, sendo que a vantagem chegou a ser de dez pontos.

Os visitantes equilibraram a partida no quarto seguinte, reduzindo a diferença para o Los Angeles em até cinco pontos. Neste momento, Bryant chamou a responsabilidade e liderou os Lakers para que aumentassem novamente a vantagem, que ficou de sete pontos no intervalo do jogo.

O astro voltou ainda melhor no terceiro quarto, ignorando seus problemas físicos e conseguindo seu melhor momento na partida. Do outro lado, Nash tentava equilibrar o jogo com passes precisos, mas o inspirado Kobe arrasava o time adversário.

Com uma diferença de 13 pontos no placar, os Lakers jogaram com mais tranquilidade no quarto decisivo, e administraram sua vantagem. Kobe foi inclusive preservado pelo técnico Phil Jackson. Ao fim, o Los Angeles encerrou a noite com uma vitória por 128 a 107.
 

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host