UOL Esporte Basquete
 
Reuters

Paul Pierce teve grande atuação e terminou como o cestinha da partida com 31 pontos

29/05/2010 - 00h19

Celtics vencem o Magic e chegam pela 21ª vez à decisão da NBA

Do UOL Esporte
Em São Paulo

CELTICS AVANÇAM PARA A DECISÃO

  • Reuters

    Dwight Howard fez sua parte, teve boa atuação, mas não impediu a derrota do Orlando Magic

  • Nate Robinson entrou bem no segundo quarto e ajudou os Celtics a abrirem larga vantagem

Maior vencedor da história, o Boston Celtics está mais uma vez na decisão da NBA. O time de Massachusetts venceu o Orlando Magic por 96 a 84, nesta sexta-feira, em Boston, conquistou a Conferência Leste ao fechar a série final por 4 a 2 e irá em busca de seu 18º título da liga norte-americana.

Os Celtics chegam à sua 21ª final na história da NBA e aguardam seu adversário. A expectativa é por um novo encontro com o arquirrival Los Angeles Lakers, no que seria a 12ª decisão entre as duas equipes. O time da Califórnia lidera a série final da Conferência Oeste contra o Phoenix Suns por 3 a 2.

A equipe de Boston também confirma sua força em momentos decisivos da NBA. Após se classificarem no quarto lugar do Leste na fase regular, os Celtics cresceram de produção nos playoffs e eliminaram os favoritos Cleveland Cavaliers e Orlando Magic, além do Miami Heat.

O nervosismo tomou conta das duas equipes no início da partida, que teve muitos erros e faltas. Dwight Howard foi ‘caçado’ pela marcação adversária e fez Kevin Garnett, com duas infrações, ser sacado pelo técnico Doc Rivers antes da metade do primeiro quarto. No fim do período, os donos da casa acertaram sua defesa sobre o rival e, com boas infiltrações de Rajon Rondo, abriram 11 pontos de vantagem.

A saída do armador no segundo quarto não diminuiu o ímpeto dos Celtics. Rondo deixou a quadra para tratar de dores nas costas, causadas por uma queda no período inicial, e deu lugar a Nate Robinson. O jogador de 1,75 m, porém, surpreendeu os rivais com muita raça e pontaria afiada. O ‘baixinho’ fez 13 pontos em pouco mais de oito minutos e elevou a diferença do time de Boston para 20. O Magic ainda conseguiu se recuperar no fim do quarto e foi para o intervalo perdendo por 13 pontos.

A defesa dos Celtics seguiu mostrando sua força no terceiro quarto. Anulando os principais jogadores do Magic, os donos da casa sofreram apenas 19 pontos no período. Comandado por Rondo, que distribuiu bem as jogadas com Paul Pierce e Ray Allen, o time de Boston elevou a diferença para 21 pontos.

Com a larga vantagem no placar, os Celtics passaram a administrar o resultado no último quarto. O Magic ainda diminuiu a diferença, mas não chegou a ameaçar a vitória dos donos da casa, que fizeram a festa da torcida com o título da Conferência Leste e a classificação para a final.

Paul Pierce mostrou precisão nos arremessos e comandou os Celtics ofensivamente com 31 pontos. O armador Ray Allen marcou 20 e acertou três cestas de longa distância. Kevin Garnett anotou apenas 10, mas fez um importante trabalho de defesa sobre o garrafão adversário. Nate Robinson terminou com 13.

O Magic teve uma produção bem abaixo dos dois jogos anteriores. O pivô Dwight Howard fez sua parte com 28 pontos e 12 rebotes, seguido pelo ala-armador Vince Carter com 17 pontos. Os demais jogadores, porém, tiveram um desempenho inferior ao esperado e comprometeram a situação da equipe nos playoffs.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host