UOL Esporte Basquete
 
11/06/2010 - 11h58

Kobe considera atuação "horrível", e técnico culpa fadiga por desempenho ruim

Das Agências internacionais
Em Boston

Principal estrela do Los Angeles Lakers, o armador Kobe Bryant reprovou a sua atuação na derrota do time de Los Angeles, por 96 a 89, para o rival Boston Celtics, no quarto jogo da final da NBA, disputado na noite da última quinta-feira. O jogador considerou sua atuação horrível. Já o técnico  Phil Jackson amenizou e creditou a queda de produção do armador ao cansaço físico.

“Eu fiz um trabalho horrível. Mas é uma grande defesa”, disse Kobe Bryant, que considerou que fez uma partida a baixo do que pode fazer, apenas da boa pontuação.

Na partida da última quinta-feira, Bryant marcou 33 pontos, porém, o jogador, que já se sagrou campeão quatro vezes da NBA, sentiu o condicionamento físico e caiu de produção nos dois últimos quartos da partida.

O jogador reconhece que encontrou dificuldades para superar a marcação do Boston Celtics. “Eles têm uma estratégia boa de defesa e eles executaram muito bem. Eu não estava satisfeito com a maneira que eu cuidava da bola hoje à noite”, disse Kobe.

Para o técnico da equipe de Los Angeles, Kobe Bryant sentiu o ritmo da partida e por isso acabou caindo de produção no final. “Fisicamente, ele teve que trabalhar muito no decorrer do jogo e não pôde terminá-lo do jeito que ele queria”, explicou.

O experiente treinador destacou que irá fazer um trabalho específico no jogo cinco da final, que acontecera no próximo domingo, em Boston, para que Kobe consiga chegar mais “inteiro” na reta final da partida e assim volte a ser decisivo, para levar o Lakers a frente da série final.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host