Topo

Basquete

Flamengo apoia intervenção na CBB, mas lutará para jogar Liga das Américas

Fotojump/LNB
Flamengo conquistou vaga na Liga das Américas ao ser campeão do NBB em 2016 Imagem: Fotojump/LNB

Do UOL, em São Paulo

17/11/2016 15h10

O Flamengo emitiu nota oficial nesta quinta-feira (17) em que repudia sua exclusão da próxima Liga das Américas de basquete em decorrência da punição da Fiba à Confederação Brasileira de Basquete (CBB). A entidade suspendeu a confederação e, por consequência, todos os clubes brasileiros não podem jogar competições internacionais.

O clube rubro-negro atacou a CBB ao citar o "sistema arcaico e pouco eficiente que rege o esporte brasileiro" e se disse favorável à intervenção da Fiba "no que diz respeito ao não cumprimento de suas obrigações, problemas de gestão, falta de pagamentos e falhas no plano de reestruturação".

No entanto, destacou que "atuará em todas as instâncias, em conjunto com a Liga Nacional de Basquete, e acionará todos os órgãos que administram o esporte no Brasil para que o mérito esportivo seja respeitado" e que, assim, a equipe tenha direito de disputar o torneio internacional.

O Flamengo, atual campeão do Novo Basquete Brasil (NBB), e o Bauru, vice, são os times brasileiros classificados para a próxima Liga das Américas e que, por enquanto, estão com suas participações suspensas pela Fiba.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!