Basquete

Torcedor viaja 4 horas e gasta R$ 2.700 para ver LeBron. E ele não apareceu

Do UOL, em São Paulo

15/12/2016 19h45

A rodada de quarta-feira (14) da NBA ficou marcada por uma grande polêmica: o atual campeão Cleveland Cavaliers decidiu poupar suas três principais estrelas na visita ao Memphis Grizzlies.

Até aí, nada de anormal, a prática é comum na maioria das franquias da liga, mas os Cavs não contavam com a dimensão da idolatria de dezenas de torcedores do Tennessee por LeBron James. 

Muitos fãs dos Grizzlies viajaram quilômetros e pagaram caro na expectativa de ver "The King", mas ficaram decepcionados com a ausência de LeBron, além dos craques Kyrie Irving e Kevin Love. 

O torcedor que melhor simbolizou o sentimento na arena do Memphis levou um cartaz com a mensagem: "Viajei 4h e gastei $800 (cerca de R$ 2.700) para ver LeBron e ele está em casa".

A imagem rodou as redes sociais e o tema ganhou os meios de comunicação nos EUA, mas este não foi o único caso de decepção da noite de quarta em Memphis, apesar da vitória do time da casa por 93 a 85. O jovem Canon Morris, por exemplo, ganhou o ingresso como presente de aniversário de 18 anos. 

"Ele venera absolutamente o LeBron. Levou um tempo para ele gostar mais dos Grizzlies do que do LeBron. Ele até gosta agora, mas continua amando LeBron. Então decidimos dar o ingresso de presente de aniversário", afirmou a mãe Becky Morris ao USA Today.

Outra torcedora frustrada pela ausência de LeBron foi Anna Rose Baker, de apenas 9 anos. "Ela ama os Grizzlies, mas é apaixonada por LeBron", contou sua mãe, Kimberly Baker. 

"Quando saiu o calendário, ela escolheu os jogos que mais tinha vontade de ir, e o jogo dos Cavaliers estava no topo da lista. Então fizemos desse jogo uma prioridade para comprar ingressos em assentos legais, assim ela poderia estar mais perto de LeBron. Na terça à noite, quando saíram as notícias de que ele não viria, ela chorou literalmente", contou. 

O tema gerou debate nos EUA. O próprio presidente da NBA entrou na polêmica ao defender que as franquias poupassem suas estrelas nos jogos em casa, para que os torcedores de outros estados tenham chance de ver seus ídolos. 

Na noite de terça (13), no entanto, o próprio Memphis havia poupado seu principal jogador, Marc Gasol, em visita aos Cavaliers em Cleveland, onde LeBron, Irving e Love lideraram os campeões em mais uma vitória.

Mas há uma grande diferença: nem todo mundo é LeBron James.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Redação
Redação
Bala na Cesta
Bala na Cesta
AFP
Redação
Bala na Cesta
Esporte Ponto Final
UOL Esporte
UOL Esporte
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Redação
Bala na Cesta
EFE
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Redação
UOL Esporte
UOL Esporte
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Redação
Redação
Bala na Cesta
UOL Esporte
Redação
UOL Esporte
Bala na Cesta
Redação
UOL Esporte
LancePress
Redação
Bala na Cesta
Redação
Bala na Cesta
Redação
Redação
UOL Esporte
Redação
Bala na Cesta
Topo