Basquete

PM alega insegurança e não disponibilizará homens para Vasco x Fla no NBB

Stephan Eilert / Solar Cearense
Vasco e Flamengo vivem novo imbróglio do clássico no basquete Imagem: Stephan Eilert / Solar Cearense

*Bruno Braz e Vinicius Castro

Do UOL, no Rio de Janeiro

24/01/2017 19h13

O clássico entre Vasco e Flamengo pelo basquete ganhou mais um capítulo polêmico em sua novela. Sem querer se responsabilizar por suposta falta de segurança na Arena da Barra, local da partida, e alegando outros compromissos de seu efetivo na mesma data, a Polícia Militar do Rio de Janeiro, através de seu comandante geral, Wolney Dias Ferreira, informou que não disponibilizará seus homens para a partida do NBB, inicialmente marcada para este sábado (28) às 14h (veja o comunicado abaixo).

Mandante do jogo, o Cruzmaltino deseja que o duelo aconteça com as duas torcidas e já tinha até mesmo agendado o início da venda de ingressos para esta terça-feira (24), ação que foi cancelada em virtude do imbróglio.

Reprodução
Imagem: Reprodução

O UOL Esporte entrou em contato com a assessoria de imprensa do Novo Basquete Brasil (NBB), que informou que a Liga já respondeu o comunicado à PMRJ e aguarda as considerações, mas deixa claro que, por ela, a partida está mantida.

Já o Vasco espera o posicionamento oficial do NBB ao clube para se manifestar publicamente. Internamente, porém, já há um conformismo que o jogo aconteça em torcida única e com seguranças particulares, com os custos sendo arcados pelo Cruzmaltino.

No comunicado, a Polícia Militar alega como alguns motivos para a indisponibilidade de seus homens a falta de barreiras físicas de divisão de torcidas na Arena da Barra e de áreas de circulação do público.

Outras polêmicas

Esta não é a primeira vez que o clássico entre Flamengo e Vasco gera polêmica no basquete. Ainda pelo Campeonato Carioca, a PM já havia vetado o duelo com duas torcidas. Na ocasião, a Arena da Barra e o Maracanãzinho ainda estavam indisponíveis em virtude dos Jogos Olímpicos e as partidas aconteceram no ginásio do Tijuca Tênis Clube e de São Januário. 

No confronto decisivo pelo estadual, o Vasco alegou falta de segurança para o jogo com torcida única rubro-negra, não compareceu, levou o W.O. e o título foi para a Gávea.

Pelo NBB, o clássico estava inicialmente marcado para o dia 18 de dezembro do ano passado, mas ainda sem ginásios disponíveis, ele foi adiado para este sábado (28).

*A reportagem indicava erradamente um equívoco da PM em relação a consideração feita para o jogo do Botafogo na mesma data. De fato, o Alvinegro enfrenta o Nova Iguaçu, pelo Campeonato Carioca, às 17h.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Bala na Cesta
AFP
Redação
Bala na Cesta
Esporte Ponto Final
UOL Esporte
UOL Esporte
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Redação
Bala na Cesta
EFE
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Redação
UOL Esporte
UOL Esporte
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Redação
Redação
Bala na Cesta
UOL Esporte
Redação
UOL Esporte
Bala na Cesta
Redação
UOL Esporte
LancePress
Redação
Bala na Cesta
Redação
Bala na Cesta
Redação
Redação
UOL Esporte
Redação
Bala na Cesta
Redação
Bala na Cesta
Esporte Ponto Final
Topo