Topo

Basquete

Warriors vencem jogo duro contra Trail Blazers e abrem playoffs em vantagem

Kyle Terada-USA TODAY
Imagem: Kyle Terada-USA TODAY

Do UOL, em São Paulo

16/04/2017 19h02

Um jogaço de basquetebol abriu a primeira rodada dos playoffs da NBA para Golden State Warriors e Portland Trail Blazers. Neste domingo (16), em Oakland (EUA), o atual campeão da Conferência Oeste sofreu nas mãos da dupla CJ McCollum e Damian Lillard, mas foi paciente e consistente para jogar bem em todos os quartos, vencer por 121 a 109 e fazer 1 a 0 na série.

McCollum foi o melhor em quadra com 41 pontos e oito rebotes (ele já tinha a melhor pontuação da carreira ainda no intervalo). Lillard não ficou muito atrás com 34 pontos. Kevin Durant (32 pontos e dez rebotes) e Stephen Curry (29 pontos) lideraram os Warriors, mas o coração da equipe foi Draymond Green com um “quase triplo-duplo”: foram 19 pontos, 12 rebotes e 9 assistências (além de cinco tocos e três roubos). Após 22 trocas de liderança no primeiro jogo da série, Golden State e Portland se reencontram nesta quarta-feira (19), novamente em Oakland.

O time da casa começou ligeiramente melhor, com Kevin Durant inspirado e ditando o ritmo. Do outro lado quem respondeu foi CJ McCollum, que chamou a responsabilidade e fez muita coisa sozinho. Em certo momento do jogo só deu ele, com bolas de três e infiltrações (assista abaixo) — não à toa teve aproveitamento de 67% nos arremessos no primeiro quarto, contra 17% do resto do time. Apesar da ótima atuação do armador, os Trail Blazers perderam o período por cinco pontos (32 a 27). 

No quarto seguinte, McCollum e Damian Lillard voaram. Eles combinaram para 48 pontos até o intervalo, a maior marca em qualquer metade de jogo na carreira da dupla. Lillard contribuiu com 21, crescendo à medida que o intervalo se aproximava e fazendo belíssima cesta de três (veja abaixo). O segundo quarto foi emocionante, com sete trocas de liderança no placar, porque os Warriors souberam distribuir seus ataques e usar os reservas (57 a 57).

 

As cestas mais plásticas foram dos Trail Blazers, mas os Warriors aumentaram o aproveitamento de arremessos (chegou a ser 8/10) e mostraram maior intensidade. Um toco de Draymond Green em Noah Vonley levantou a arena (assista abaixo), e Stephen Curry finalmente virou protagonista com cinco cestas seguidas. Portland ficou mais de dois minutos sem pontuar, mas se recuperou antes do final do terceiro quarto (88 a 88).

 

Os 12 minutos decisivos começaram com Golden State abrindo quatro pontos, diferença que ainda cresceria e não seria recuperada por Portland até o final. Os visitantes caíram de produção após endurecer tanto os períodos anteriores. Os Warriors reforçaram a marcação sobre McCollum e Lillard e encorajaram os demais adversários a arremessar, e a vitória foi fruto desta estratégia. O time da casa chegou a abrir 13 pontos, sua maior vantagem, e daí em diante bastou administrar o relógio.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!