Basquete

Cleveland tem "apagão", mas supera Boston e fica a um jogo da final da NBA

Do UOL, em São Paulo (SP)

23/05/2017 23h53

O Cleveland Cavaliers deu um susto em seus torcedores, mas se recuperou e voltou a vencer o Boston Celtics na final da Conferência Leste. Nesta terça-feira (23), pela quarta partida da série, a equipe comandada por Tyronn Lue sofreu um "apagão" no primeiro tempo, mas acordou na parte final do confronto e abriu 3 a 1 na disputa, ficando a um jogo da grande decisão da NBA. Depois de brilhar nos dois jogos em Massachusetts, LeBron James teve mais uma atuação "discreta", mas viu Kyrie Irving dar um show e garantir o triunfo por 112 a 99 na Quicken Loans Arena.

Ken Blaze/USA TODAY Sports
Irving foi o destaque da partida Imagem: Ken Blaze/USA TODAY Sports

Agora, com uma vantagem de dois jogos, o Cleveland Cavaliers precisa de apenas uma vitória para reeditar a final das duas últimas temporadas da NBA, quando ganhou uma e perdeu outra para o Golden State Warriors. Para isso, terá de vencer na próxima quinta-feira (25), quando a série volta para Boston, no TD Garden. Caso fracasse, ainda terá uma oportunidade em casa no sábado (27), quando as equipes voltam para Ohio. Um sétimo jogo, em Massachusetts, só será disputado se a série ficar empatada por 3 a 3.

O primeiro tempo foi praticamente dominado pelo Boston Celtics. Mesmo sem sua estrela Isaiah Thomas, a equipe mostrou um belo jogo coletivo e terminou com grande vantagem graças ao desempenho de Jae Crowder, Kelly Olynyk e Avery Bradley.

Por outro lado, LeBron James, principal jogador dos Cavaliers, sofreu. Apagado no ataque, um dos melhores jogadores do mundo abusou das faltas e foi tirado de quadra ainda na metade do segundo quarto já com quatro faltas cometidas - na sexta o atleta é excluído da partida. A etapa inicial terminou 57 a 47 para os visitantes.

CLEVELAND ACORDA

Com dez pontos atrás, o Cleveland precisaria mudar sua postura para entrar na partida. E foi o que a equipe fez. Com o apoio dos mais de 20 mil torcedores, e LeBron em quadra - mesmo que abaixo do que era esperado -, os Cavaliers melhoraram no terceiro quarto e conseguiram virar a partida. Faltando pouco mais de dois minutos para o começo do último tempo, os donos da casa conseguiram deixar o marcador em 73 a 72.

Se LeBron estava "tímido" por conta das quatro faltas - mesmo assim terminou com 34 pontos -, Irving sobrou na reta final. Chamando a responsabilidade, o armador encarou os marcadores e foi o grande nome da virada dos Cavaliers. O camisa 2 terminou com 42 pontos (cestinha da partida), três rebotes e quatro assistências.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Bala na Cesta
Redação
Redação
Esporte Ponto Final
UOL Esporte
UOL Esporte
UOL Esporte
Bala na Cesta
Redação
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Redação
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Redação
Redação
Bala na Cesta
Bala na Cesta
AFP
Redação
Bala na Cesta
Esporte Ponto Final
UOL Esporte
UOL Esporte
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Redação
Bala na Cesta
EFE
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Redação
UOL Esporte
UOL Esporte
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Redação
Redação
Bala na Cesta
UOL Esporte
Topo