Basquete

Paulistano se inspirou em Meninos da Vila para virar a sensação do NBB

Lucas Pastore

Do UOL, em São Paulo

10/06/2017 04h00

A uma vitória do título do NBB, o Paulistano tem a filosofia do Santos Futebol Clube como inspiração para a montagem de seu jovem elenco. Neste sábado (10), o time da capital paulista recebe o Bauru, às 14h, no ginásio do Corinthians, para conquistar seu primeiro título da competição em caso de vitória.

Vencendo a final, disputada em formato melhor de cinco, o Paulistano tem apenas o ala-pivô argentino Daniel Hure, de 32 anos de idade, como titular acima dos 30. Completam o quinteto Arthur Pecos, de 23, Georginho, de 20, Lucas Dias, de 22, e Renato, de 29.

Entre os titulares de Bauru, o mais jovem é Léo Meindl, de 23 anos de idade. Os outros membros da equipe que começa os jogos são Gegê, de 25, Alex, de 37, e Jefferson e Shilton, de 34. Com isso, a média de idade do quinteto do Paulistano é mais de cinco anos menor: 25,2 anos, contra 30,6 da formação inicial do time do interior.

Além disso, fazem parte da rotação da equipe da capital nessas finais Victor André, ala-pivô de 20 anos de idade, e Yago, armador de apenas 17.

A utilização de um elenco mais jovem é um dos projetos de Carlos Neves, que assumiu a do Paulistano para esta temporada. Além de procurar uma adequação financeira em relação às temporadas anteriores, quando o clube tinha um orçamento maior, a filosofia tem como inspiração o Santos, famoso por sua histórica capacidade de revelar jogadores.

"É um pouco o perfil da diretoria nova mais uma necessidade de adequação financeira. Perdemos um terço da verba que tínhamos no ano passado. O jeito foi enxergar o copo meio cheio, buscar os melhores jovens talentos disponíveis e veteranos com perfil atlético correspondente", contou Diego Miceli Jeleilate, supervisor técnico do Paulistano, ao UOL.

"É um pouco também do perfil do novo diretor, que é santista e gosta de jogador jovem", completou.

"Meninos do Paulistano" chamam atenção no exterior

A boa exibição dos jovens do Paulistano já começa a repercutir internacionalmente. Georginho é considerado o brasileiro mais cotado para o próximo Draft da NBA e chegou a ser convidado para o Eurocamp, principal evento para prospectos nascidos fora dos Estados Unidos. Não pôde aceitar para concluir a disputa das finais do NBB.

O ala-pivô Lucas Dias também tem esperança de ser selecionado no Draft, assim como Mogi. O jovem ala-armador, de 21 anos de idade, teve média de 13,2 minutos por jogo durante a temporada e abriu mão da disputa das finais do NBB para tentar melhorar sua cotação em uma série de treinos com representantes de franquias da NBA ao redor dos Estados Unidos.

Como fica, então, a cabeça da diretoria do Paulistano? Torcem para que os jogadores consigam chegar à NBA e levem o nome do clube para o exterior? Ou prefere que continuem defendendo as cores do time?

"Aqui a gente sempre torce para que o jogador tenha sucesso, cada vez mais. A gente costuma dizer que aqui ninguém sai para situação pior. Na NBA, existem projetos e projetos. Se for para o jogador ser para lá ser desenvolvido, foi torcer para que dê muito certo. Se for para ficar encostado, preferimos que fiquem aqui", explicou Diego.

Com a NBA de olho, Georginho, Mogi e Lucas podem se despedir do Paulistano com título neste sábado. Inspirados nos Meninos da Vila, podem se imortalizar como os Meninos do Jardim.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Redação
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Redação
Redação
Redação
Redação
Bala na Cesta
Redação
Bala na Cesta
Redação
Redação
Redação
Redação
UOL Esporte
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Redação
Redação
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Redação
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Redação
Bala na Cesta
Redação
Redação
Redação
Redação
Colunas - Flavio Ricco
Bala na Cesta
Redação
Redação
Redação
UOL Esporte
Redação
UOL Esporte
UOL Esporte
Bala na Cesta
EFE
EFE
Redação
Redação
Blog do Juca
Bala na Cesta
UOL Esporte
UOL Esporte
EFE
Topo