Basquete

Bauru completa virada sobre Paulistano e vence NBB pela 1ª vez

Wilian Oliveira/Futura Press/Estadão Conteúdo
Bauru e Paulistano se enfrentam pelo jogo 5 das finais 2017 do NBB Imagem: Wilian Oliveira/Futura Press/Estadão Conteúdo

Do UOL, em São Paulo

17/06/2017 16h27

Com uma defesa muito forte e o apoio maciço de sua torcida, o Bauru venceu o Paulistano, completou sua virada na série final e levantou pela primeira vez o troféu do NBB, a liga brasileira de basquete. Após perder as duas primeiras partidas do duelo final, a equipe do interior consertou seu esquema defensivo e conseguiu uma sequência de três vitórias para fechar a série em 3 a 2.

O jogo final, neste sábado, terminou em 92 a 73 a favor do Bauru, que mandou o jogo em Araraquara, no estádio Gigantão, a 126 km de sua cidade.

Contando com uma sinergia entre jogadores e torcida (mais de 5 mil pessoas foram ao ginásio), o Bauru manteve vantagem consistente no primeiro tempo e, com ótima atuação de seus principais jogadores (Jefferson, Alex, Shilton e Leo Meindl) conseguiu abrir a pontuação no terceiro período.

No quarto período, apesar de o técnico Gustavinho ter tentado incentivar seus jogadores, ficou claro que o Paulistano já não tinha força para buscar uma virada. Mesmo com uma boa atuação de Renato (20 pontos no jogo), os visitantes viram o time da casa fechar a partida com tranquilidade.

Sua torcida, que lotou o Gigantão, comemorou muito o título inédito. Foi a terceira vez que o Bauru chegou à final do NBB.

O melhor. Alex Garcia. Principal cestinha do Bauru nas finais, o experiente ala foi fundamental no jogo decisivo. Com bons arremessos de três e uma capacidade de liderar e organizar o time, Alex chamou a responsabilidade, leu o jogo muito bem e não decepcionou a torcida, deixando a quadra com 24 pontos. Depois de seu quarto título de NBB, ele concorre a MVP da temporada.

A frustração. Lucas Dias. O ala-pivô que vinha sendo um dos grandes nomes de seu time na reta final do campeonato, acabou entrando no último jogo fora de suas melhores condições. No jogo 4, ele havia se machucado e fez tratamento intensivo para jogar o duelo decisivo. Ele até entrou em quadra, mas sem estar 100%, não conseguiu mostrar seu talento.

Momento chave. O jogo estava equilibrado nos dois primeiros períodos, mesmo com uma ligeira prevalência do Bauru. No final do terceiro período, porém, o Paulistano se perdeu no balanço defensivo e permitiu que os rivais abrissem a maior vantagem do jogo: 67 a 53. Nos últimos minutos desse quarto, o Bauru conseguiu uma bonita bola de três com Valtinho, infiltrações e boas assistências em contra-ataques e barrou as tentativas do Paulistano.

"Defesa guerreira." Alex Garcia, em entrevista depois do jogo: "Vou deixar bem claro: a equipe só venceu hoje porque a defesa foi guerreira, marcou muito. E quando tinha a bola na mão o time teve uma porcentagem [de aproveitamento de pontos] monstruosa."

Champanhe com a torcida. Depois do jogo, o técnico Demetrius Farraciú não se conteve e foi pro meio da galera para tomar banho de espumante e comemorar o título: "Ano passado batemos na porta e não conseguimos", disse ele. "Eu comecei a jogar basquete em Bauru. Hoje é um momento único pra mim estar representando a cidade de Bauru. Estou muito feliz."

De virada, de novo. O Bauru mostrou grande capacidade de recuperação. Foi a segunda virada do time na fase final do NBB, já que eles passaram das semifinais com um 3 a 2 sobre o Pinheiros, depois de também começar perdendo as duas primeiras partidas.

Dois do Paulistano ainda podem ir à NBA. Mesmo com a derrota, dois jogadores do Paulistano, Lucas Dias e Georginho, vivem a expectativa de serem draftados por algum time da NBA. O evento que seleciona atletas para a principal liga mundial acontece na quinta-feira, e o nome dos dois está na lista de selecionáveis, assim como o de Mogi, que deixou a equipe de São Paulo há alguns meses.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

UOL Esporte
Redação
UOL Esporte
Redação
Redação
Bala na Cesta
Redação
Redação
Bala na Cesta
Redação
Bala na Cesta
Redação
Redação
Redação
Bala na Cesta
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Redação
Redação
Redação
Redação
Bala na Cesta
Redação
Bala na Cesta
Redação
Redação
Redação
Redação
UOL Esporte
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Redação
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Redação
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Redação
Bala na Cesta
Redação
Redação
Redação
Redação
Topo