Basquete

Curry e agora Durant 'livres': Warriors têm só 6 jogadores com contrato

Ezra Shaw/Getty Images/AFP
Kevin Durant recebe troféu de jogador mais valioso (MVP) das Finais da NBA Imagem: Ezra Shaw/Getty Images/AFP

Do UOL, em São Paulo

20/06/2017 13h33

De acordo com reportagem da "ESPN", Kevin Durant decidiu não exercer sua opção unilateral para renovar contrato com o Golden State Warriors para a próxima temporada por US$ 27.734.405,00 (R$ 91.437.559,84). Desta forma, dos 15 jogadores que fizeram parte da franquia na conquista por 4 a 1 sobre o Cleveland Cavaliers, apenas seis tem vínculo para a próxima temporada.

É praticamente certo que Durant não sairá de fato dos Warriors. Tudo não passaria de uma manobra, já que o ala deve assinar novo vínculo com a franquia, facilitando a renovação de seus colegas e ficando elegível para um salário ainda maior no futuro. E tal ajuda deve ser providencial, já que alguns nomes importantes da equipe de Oakland estão dando sopa no mercado.

Estrela do time, Stephen Curry é o principal nome disponível. Mas não é o único. Andre Iguodala, Shaun Livingston, Zaza Pachulia, David West, Ian Clark, JaVale McGee e Matt Barnes são outros jogadores que se sagraram campeões com os Warriors e se tornam agentes livres no verão americano. 

Já Klay Thompson, Draymond Green, Kevon Looney, Damian Jones e Pat McCaw têm contratos garantidos para a próxima temporada. James McAdoo, por sua vez, tem uma opção de qualifying offer. Este tipo de cláusula permite que o jogador negocie com outras franquias, mas dá aos Warriors o direito de igualar as propostas recebidas se assim desejar.

A NBA tem teto salarial, que na temporada 2017/2018 deve ser de US$ 102 milhões (aproximadamente R$ 336,3 milhões). O limite, porém, pode ser ultrapassado de algumas maneiras – uma delas é renovando o contrato de jogadores que estão há pelo menos três anos na franquia, caso de Stephen Curry e Andre Iguodala, por exemplo.

Com o salário de Durant, os Warriors teriam pouco mais de US$ 68 milhões (cerca de R$ 224,2 milhões) comprometidos. Com sua manobra, esse valor caiu para pouco menos de US$ 40 milhões (aproximadamente R$ 131,9 milhões). Assim, um menor ordenado para o ala deve ajudar a franquia a renovar alguns contratos – principalmente os de Curry, maior astro do time nos últimos, e Andre Iguodala, reserva mais importante do elenco.

Segundo a ESPN, os Warriors devem oferecer um contrato de cinco anos com salário de US$ 205 milhões (R$ 687,4 milhões) pelo período, o que seria o maior valor possível a ser oferecido para o armador.

Outras exceções que permitem a uma franquia exceder o teto salarial são contratos para novatos e contratos pelo valor mínimo permitido pela NBA. Estes devem ser os recursos usados pelos Warriors para completar o elenco rumo à temporada 2017/2018 da NBA.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Redação
Redação
Redação
Redação
Bala na Cesta
UOL Esporte
Redação
UOL Esporte
Redação
Redação
Bala na Cesta
Redação
Redação
Bala na Cesta
Redação
Bala na Cesta
Redação
Redação
Redação
Bala na Cesta
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Redação
Redação
Redação
Redação
Bala na Cesta
Redação
Bala na Cesta
Redação
Redação
Redação
UOL Esporte
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Redação
Redação
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Redação
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Redação
Topo