Topo

Basquete


De saída para o Heat, Dwyane Wade é homenageado por LeBron: 'Irmão'

Truly happy for my brother @dwyanewade!! It?s how it?s suppose to be. Love you my guy!! #WadeCountyBack??

Uma publicação compartilhada por LeBron James (@kingjames) em

De UOL, em São Paulo

08/02/2018 16h57

Dwyane Wade está voltando para casa. Nesta quinta-feira (8), último dia da janela de transferências da NBA, o jogador foi dispensado pelo Cleveland Cavaliers e enviado de volta ao Miami Heat. Poucos minutos após a informação ser divulgada pela 'ESPN' americana, LeBron James fez uma homenagem ao companheiro nas redes sociais.

"Verdadeiramente feliz por meu irmão Dwyane Wade! É assim que as coisas deveriam ser. Te amo, meu parceiro!", escreveu King James no Instagram. 

Em troca, o Heat cedeu uma escolha de 2ª rodada do Draft 2020 ao time de Ohio - repassada imediatamente ao Sacramento Kings na negociação por George Hill

Ídolo do Heat - time que defendeu entre 2003 e 2016 e por onde conquistou três títulos da NBA - Wade está de volta após dois anos. Ele saiu de Miami para uma passagem atribulada no Chicago Bulls. No ano passado, acertou a ida para o Cavaliers para jogar ao lado do amigo LeBron, com quem conquistou dois títulos para o Heat (2012 e 2013). Porém, o ala-armador de 36 anos passou boa parte do tempo no banco. 

Wade tem média de 11,2 pontos por jogo nesta temporada. O atleta não teve ter o mesmo protagonismo que já teve na franquia da Flórida, mas pode reforçar o ataque do time que ainda busca uma vaga nos playoffs. Eterno camisa 3, o jogador já afirmou em algumas ocasiões que o Heat sempre seria sua franquia, além de ter ouvido de atletas como Udonis Haslem que seria recebido de braços abertos se escolhesse voltar.