Topo

Basquete

De Paulo Antunes a Paulo Coelho, 7 provas do amor entre LeBron e o Brasil

Maddie Meyer/Getty Images
LeBron James em ação durante jogo do Cleveland Cavaliers contra o Boston Celtics Imagem: Maddie Meyer/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

31/05/2018 04h00

Nesta quinta-feira (31), às 22h (de Brasília), o Golden State Warriors recebe o Cleveland Cavaliers no jogo 1 da final da NBA, disputado em formato melhor de 7. Pela oitava vez seguida, a decisão terá LeBron James, que chegou lá quatro vezes pelo Miami Heat e quatro pela franquia de Ohio. E o ala inicia a série em meio a uma lua de mel com o público brasileiro.

Tudo isso por conta de dois fatos que aconteceram durante a série em que os Cavaliers venceram o Boston Celtics por 4 a 3 e se sagraram campeões da Conferência Leste, garantindo vaga na final da NBA. Primeiro, com a informação de que LeBron lê Paulo Coelho. Depois, quando o ala se derreteu a pergunta com elogio do jornalista Paulo Antunes, da ESPN, e disse que “ama o Brasil”.

Não foi a primeira vez que LeBron expôs seu carinho pelo Brasil, e também não foi a primeira vez que o ala caiu nas graças do público do país. Relembre, abaixo, outras provas do carinho recíproco.

Amizade com Varejão

Entre 2004 e 2010, LeBron teve um colega de equipe brasileira nos Cavaliers. Trata-se do pivô Anderson Varejão, que foi publicamente elogiado várias vezes pelo ala como um dos melhores companheiros de equipe que ele já teve na NBA.

A relação de amizade ficou ainda mais evidente em 2011, quando internauta identificado como Pablo Linhares enviou mensagem para LeBron. "Sou seu fã aqui no Brasil", escreveu.

A resposta veio com direito a citação a Varejão, que na época já era ex-colega de LeBron. "Obrigado! E um grande abraço a Andy V", respondeu o ala, citando o elogio do pivô brasileiro.

Reestreia histórica

Depois de defender os Cavaliers entre 2003 e 2010, LeBron James não conseguiu guiar a equipe até o título da NBA e resolveu se transferir para o Miami Heat, franquia em que se juntou com os astros Dwayne Wade e Chris Bosh. Lá, disputou as finais quatro vezes em quatro temporadas, conquistando seus dois primeiros títulos na NBA.

Natural de Ohio, franquia em que os Cavaliers ficam, LeBron resolveu voltar para casa depois de se sagrar vice-campeão da NBA em 2014, quando o Heat perdeu a final para o San Antonio Spurs. Na época, o ala anunciou seu retorno ao time de Cleveland.

Assim, LeBron fez sua estreia pelos Cavaliers, franquia em que voltaria a vencer o título da NBA em 2016, na pré-temporada para a temporada 2014/2015. Seu primeiro compromisso foi no Rio de Janeiro, em amistoso disputado justamente contra o Miami Heat. 

A Copa do Mundo é nossa

Você sabia que o maior evento esportivo que LeBron já viu foi no Brasil? Bem, pelo menos isso foi o que o ala disse em 2014. Isso porque ele esteve no Maracanã para assistir à vitória da Alemanha por 1 a 0 sobre a Argentina, na final da Copa do Mundo.

Por meio de sua conta no Instagram, o ala fez duas postagens: o primeiro, com o maiúsculo elogio à final, e o segundo dando risada de fã que invadiu a partida decisiva.

The greatest sporting event I've ever been to! #WorldCupFinal #Brazil #StriveForGreatness

Uma publicação compartilhada por LeBron James (@kingjames)

em

Hahaha!! We're going streaking! Everyone's doing it. Man that was hilarious. #WorldCupFinal #Brazil

Uma publicação compartilhada por LeBron James (@kingjames)

em

Papai LeBron

Nesta temporada, Rômulo Mendonça, narrador da ESPN Brasil, ganhou repercussão internacional com narração de cesta vitoriosa marcada por LeBron. Na ocasião, o locutor chamou atenção ao cantar "Papai, LeBrão, roubou meu coração".

Dias depois, Rômulo usou sua conta no Twitter para agradecer por nova atuação decisiva de LeBron: "Papai Lebrão, obrigado pela oportunidade de mais uma narração dessa. Te amo. Beijos".

Depois de viralizar com as brincadeiras, o narrador, conhecido por seus bordões, foi enviado pela ESPN para os Estados Unidos para cobrir in loco as finais da NBA.

Paulo Coelho...

Um personagem criado por um brasileiro foi uma das inspirações para a grande campanha de LeBron nos playoffs deste ano. Trata-se de Santiago, protagonista de O Alquimista, livro do premiado autor Paulo Coelho.

"É um livro que eu acho que significa alguma coisa para quase todo mundo. Se você tem uma meta, ou um sonho, ou algo que você quer em sua vida que te faria completo, você deveria trabalhar para isso. Você tem que se esforçar. A jornada é dura. A vida é difícil às vezes, e você precisa passar por algumas coisas para chegar onde você quer", disse LeBron, em entrevista ao site oficial dos Cavaliers.

...e Paulo Antunes

Depois de comandar a vitória do Cleveland Cavaliers sobre o Boston Celtics nessa sexta-feira (25), LeBron James se derreteu com pergunta que continha elogio de Paulo Antunes, comentarista da ESPN Brasil, durante entrevista coletiva. O brasileiro elogiou o poder de decisão do ala, contrastando com as críticas que o jogador sofria sobre o tema no início da sua carreira.

"LeBron, você tem sido um jogador decisivo praticamente toda a sua carreira. Como você se sente estando envolvido nos últimos anos em situações decisivas? Porque parece que, especialmente nos últimos anos, quando as coisas ficam tensas você sempre corresponde", questionou Paulo.

"Gostei de você. Dizendo que eu tenho sido decisivo durante toda a minha carreira... Não há muitos como você, eu posso te garantir isso. Você foi muito gentil comigo, só porque hoje é o Dia Nacional do Vinho para mim? Ou, você sabe, eu amo o Brasil, ou eu não sei o que é isso agora", brincou LeBron, aos risos, antes de responder à questão.

Olha a moral do @pauloantunesoficial com o @kingjames #NBAnaESPN #ESPNBrasil #LeBronJames #ClevelandCavaliers

A post shared by Mundo ESPN (@mundoespn) on

Influenciadora

Nos últimos meses, a importância de influenciadoras digitais tem ficado cada vez mais relevante no Brasil. Entre as famosas, está uma fã de LeBron. Trata-se de Mica Rocha, que possui mais de 653 mil seguidoras no Instagram.

A influenciadora tem um cachorro chamado LeBron James e não cansa de usar sua conta pessoal na rede social para manifestar incentivo ao ala.