Esporte

Ex-campeão mundial de boxe é preso nos EUA após agressão doméstica

Laura Rauch/AP Photo
Jermain Taylor unificou títulos dos médios em 2005 ao vencer Bernard Hopkins; nesta terça-feira, foi preso após agressão em casa Imagem: Laura Rauch/AP Photo

Do UOL, em São Paulo

18/07/2017 14h02

O pugilista norte-americano Jermain Taylor foi preso nesta terça-feira na cidade de Maumelle, estado do Arkansas, onde mora. A informação foi divulgada por uma afiliada da rede de TV FOX nos Estados Unidos.

Segundo a emissora, vizinhos de Taylor chamaram a polícia por volta das 3h da manhã (5h no horário de Brasília). O Departamento de Política de Maumelle (MPD) registrou então uma queixa de “distúrbio doméstico”.

Na chegada, as autoridades conversaram com Taylor e com uma mulher identificada como Ashley White, que afirmou ter sido agredida pelo boxeador durante uma discussão. Segundo ela, o atleta de 38 anos ainda tentou danificar seu telefone celular para impossibilitar uma ligação para a polícia.

Atacada a mordidas, White conseguiu se desvencilhar de Taylor e tentou correr para fora da casa. Ao ser interceptada pelo pugilista, ela disparou spray de pimenta contra o rosto de seu agressor e fugiu.

Taylor foi detido e posteriormente liberado. O lutador deverá responder a acusações de agressão e ameaça, além de ter contra si uma queixa anterior de falsa comunicação de emergência.

Como atleta, Jermain Taylor não luta desde 2014. Ex-campeão mundial do peso médio (até 73 kg), conseguiu unificar os títulos da Associação Mundial de Boxe (WBA), do Conselho Mundial de Boxe (WBC), da Federação Internacional de Boxe (IBF) e da Organização Mundial de Boxe (WBO) em 2005, quando derrotou o norte-americano Bernard Hopkins.

Ao longo da carreira, entre 2001 e 2014, disputou 38 lutas. Foram 33 vitórias (20 por nocaute), quatro derrotas (três nocautes) e um empate.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo