UOL Esporte Ciclismo
 
15/07/2009 - 12h43

Mark Cavendish vence etapa marcada por acidente e retoma camisa verde

Do UOL Esporte
Em São Paulo
O britânico Mark Cavendish confirmou seu bom momento na Volta da França nesta quarta-feira ao vencer a 11ª etapa da tradicional prova do ciclismo mundial. O ciclista da Team Columbia, que já havia vencido a etapa anterior, na quarta-feira, retomou a posse da camisa verde, concedida ao melhor sprintista do "Tour". A etapa foi marcada também por um acidente envolvendo os ciclistas.

DESTAQUES DA 11ª ETAPA DO TOUR
REUTERS/Jean-Paul Pelissier
Cavendish retomou a camisa verde com a quarta vitória na edição da Volta da França
AP Photo/Bas Czerwinski
Acidente envolvendo ciclistas exigiu muito trabalho da equipe de médicos do "Tour"
VEJA AS IMAGENS DO ACIDENTE
GESING JÁ PEDALA NOVAMENTE
BLOG: VEJA REFEIÇÃO DE ARMSTRONG
BRITÂNICO ALCANÇA RECORDE
MAIS NOTÍCIAS DE CICLISMO
A prova não foi fácil para o britânico que foi perseguido de perto nos últimos metros pelo norte-americano Terry Farrar, da Garmin-Slipstream. O bom trabalho de equipe da Columbia, contudo, contribuiu para a quarta vitória de Cavendish nesta edição do Tour e oitava em sua carreira.

A conquista do britânico não foi uma surpresa, visto que o ciclista atravessa um bom momento no evento francês e foi apontado como favorito nessa quinta-feira até pelo "expert" em Volta da França Lance Armstrong, em uma declaração via Twitter.

A 11ª foi marcada pelo acidente envolvendo uma série de competidores, em especial do espanhol Jose Joaquin Rojas, que precisou receber atendimento da equipe médica no local. Outros ciclistas tiveram biciletas avariadas e sofreram ferimentos leves.

O que se viu por boa parte da prova disputa entre o belga Johan Van Summeren (Silence-Lotto) e o polonês Marcin Sapa (Lampre), que se destacaram na fuga na metade da corrida. Ao final da prova, contudo, o pelotão alcançou a dupla, fechando a prova com a quarta vitória do britânico. O segundo colocado foi Tyler Farrar (Garmin), do EUA, seguido por Yauheni Hutarovich (Française des Jeux), da Belarus, e do espanhol Óscar Freire (Rabobank).

Ao vencer a 11ª etapa, Mark Cavendish assumiu a posse da camisa verde da Volta da França. Se na competição a camisa amarela é concedida ao líder geral da competição, a camisa verde é um prêmio ao melhor ciclista de sprint. O líder até então era do norueguês Thor Hushovd, da Cervelo Test. O ciclista nórdico, entretanto, terminou a etapa desta quinta-feira apenas na quinta posição e soma 169 pontos contra 176 de Cavendish.

A 11ª etapa foi realizada em um percurso de 192 quilômetros entre Vatan e Saint-Fargeau e pode ser considerada de baixo nível de dificuldade, pois não apresenta terrenos íngremes, sendo dominada pela geografia plana em boa parte do percurso. Essa característica favorece a competição entre os sprintistas.

Na disputa da camisa amarela, as coisas também não mudaram. O italiano Rinaldo Nocentini (La Mondiale) segue em primeiro lugar na classificação geral, seguido pelo espanhol Alberto Contador e de Lance Armstrong, seis e oito segundos atrás, respectivamente.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host