UOL Esporte Ciclismo
 
26/09/2009 - 10h04

Estratégia de equipe dá certo, e italianas dominam pódio do Mundial de estrada

Das agências internacionais
Em Mendrisio (SUI)
A prova deste sábado do Mundial de ciclismo, que está sendo disputado em Mendrisio, Suíça, viu uma bem executada estratégia de equipe. O sexteto italiano cumpriu bem com suas funções, e duas atletas do país subiram ao pódio da corrida feminina de estrada. Medalhista de bronze nos Jogos Olímpicos de Pequim, Tatiana Guderzo agora foi a campeã. Sua compatriota, Noemi Cantele, terminou em terceiro lugar.

AFP PHOTO/ DAMIEN MEYER
Tatiana Guderzo mostra a medalha de ouro conquistada por ela neste sábado na Suíça
VEJA MAIS FOTOS DA PROVA
LEIA OUTRAS NOTÍCIAS DE CICLISMO
"É um sonho que se torna realidade", comemorou Guderzo, de 25 anos. A italiana abriu vantagem em relação às demais competidoras na reta final da prova, a nove voltas da linha de chegada, e completou o percurso de 124,2 km em 3h33min25s.

Guderzo aproveitou para agradecer a ajuda das colegas de equipe. "Nós sabíamos que éramos as melhores. Minha medalha de ouro tem que ser dividida em seis", comentou a campeã.

Cantele também dedicou seu bronze ao time. "Tatiana estava muito forte, e eu a defendi", declarou a terceira colocada. "Foi um trabalho perfeito de equipe".

A medalhista de bronze, por sua vez, protagonizou um duelo particular com a holandesa Marianne Vos no final da prova, mas a campeã mundial de 2006 repetiu sua 'tradição' e, pela terceira vez consecutiva, faturou a medalha de prata. Cantele apareceu logo depois, seguida de perto pela norte-americana Kristin Armstrong. A ciclista dos Estados Unidos, por sinal, fez em Mendrisio sua última prova de estrada. Aos 36 anos, a campeã olímpica acaba de anunciar sua aposentadoria.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host