UOL Esporte Ciclismo
 
27/09/2009 - 14h42

Australiano dispara no final e vence o Mundial de estrada

Das agências internacionais
Em Mendrisio (SUI)
Em uma prova em que todos os favoritos ao título estiveram na briga até o final, quem ficou com a medalha de ouro foi um australiano menos 'gabaritado'. Neste domingo, Cadel Evans acelerou nos quilômetros finais da disputa e assegurou o título do Mundial de estrada, disputado na cidade suíça de Mendrisio.

AFP PHOTO / POOL/ GABRIELE PUTZU
Público incentiva a chegada de Cadel Evans. Australiano foi campeão da final deste domingo do Mundial de estrada
VEJA MAIS FOTOS DA PROVA
ITALIANA VENCE NO FEMININO
LEIA OUTRAS NOTÍCIAS DE CICLISMO
Após se manter no pelotão intermediário em boa parte da prova, o australiano encostou nos líderes na reta final e logo disparou, concluindo o percurso de 262,2 km em 6h56min26s.

O sprint de Evans foi tão grande que o segundo colocado, o russo Alexandr Kolobnev, medalhista de prata, chegou apenas 27 segundos depois. O espanhol Joaquin Rodriguez completou o pódio.

A conquista deste domingo pode ser considerada a maior da carreira de Cadel Evans, de 32 anos. Em seu currículo, os grandes feitos não são títulos, mas sim duas medalhas de prata na Volta da França (2007 e 2008) e um terceiro lugar na Volta da Espanha, concluída na semana passada.

"Foi excepcional! Às vezes a gente desanima. Mas eu sempre olhei para o futuro e esperava que um dia eu venceria", desabafou o australiano.

Além disso, Evans torna-se o primeiro ciclista da Austrália a vencer o Mundial de estrada e vestir a camisa arco-íris entregue ao vencedor.

Campeão da prova de contrarrelógio na última quinta-feira, o suíço Fabian Cancellara bem que tentou se tornar o primeiro ciclista da história a obter os dois ouros em um mesmo Mundial, mas não conseguiu. Apesar de permanecer entre os primeiros colocados todo o tempo, o atleta da casa acabou ficando para trás nos últimos metros e terminou a prova em quinto lugar.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host