UOL Esporte Ciclismo
 
AFP

Com quatro minutos de vantagem, francês Sylvain Chavanel venceu na Bélgica

05/07/2010 - 12h27

Chuva e quedas definem etapa, e francês assume a ponta; Lance também cai

Do UOL Esporte
Em São Paulo

Em uma etapa marcada por garoa e muitas quedas em descidas sinuosas da Bélgica, o francês Sylvain Chavanel conseguiu vencer em uma escapada e assumiu a liderança da Volta da França de 2010. Ele completou o percurso na frente, tirando a camiseta amarela de Fabian Cancellara. Um dos afetados por queda foi Lance Armstrong, que não se machucou e é quinto no geral.

O suíço Cancellara venceu o prólogo e manteve a liderança geral após a primeira etapa, domingo. Com a chegada do restante do pelotão, as outras posições pouco se alterou, depois de 201 km entre Bruxelas e Spa, na Bélgica.

Esta foi a segunda vitória no Tour do ciclista francês de 31 anos. Ele conseguiu participar de uma escapada que deu certo gradualmente. Com as quedas ocorridas no pelotão, conseguiu fortalecer a liderança e não foi alcançado, encerrando o trecho em 4h40min48s, cerca de quatro minutos à frente do pelotão.

CHUVA E SANGUE

  • Joel Saget/AFP
  • Joel Saget/AFP

    Em cima, Armstrong e Contador pedalam na chuva; A. Schleck (d), assim como o primeiro, levou a pior e caiu durante a etapa de 2ª

“É verdade que cai, mas ocorreu com todo o pelotão. Sofri um golpe no quadril. Tive muito medo que acontecesse uma queda em massa, havia gente no asfalto por todos os lados”, disse o heptacampeão. “Descer estas montanhas foi como patinar no gelo”, completou o chefe de seu time, a RadioSchack, Johan Bruyneel.

Segundo a equipe Astana, o atual campeão Alberto Contador também teve grandes problemas na etapa, com um machucado na joelho e outros ralados. No total, quase 40 ciclistas se envolveram em acidentes nesta segunda-feira.

Não houve disputa pela segunda colocação, em um combinado do pelotão de frente para isso, devido aos muitos problemas na etapa. Cancellara liderou o pedido para esta homenagem aos que se machucaram. "Não havia necessidade de disputar, então decidimos assim", explicou Lance.

O também francês Maxime Bouet passou com o segundo tempo, seguido por Fabian Wegmann, da Alemanha.

Cancellara passou em 12º, ficando com a segunda colocação no geral. Lance Armstrong está em quinto na tabela após três dias de disputa, com o atual campeão Alberto Contador em sétimo.

Com cerca de 30 km para o final, uma série de quedas causadas causou grandes problemas, motivadas pelas descidas sinuosas e o asfalto molhado e escorregadio. Muitos ciclistas não conseguiram se manter no pelotão, que por sua vez tentava buscar dois ciclistas que escaparam para tentar a vitória.

Um dos prejudicados foi Andy Schleck, atual vice-campeão. O ciclista de Luxemburgo se ralou bastante em uma queda e viu o pelotão abrir grande distância para sua bicicleta.

Nesta terça-feira acontece a terceira etapa do Tour, com um percurso com predominância de trechos planos. Serão 213 km de Wanze, na Bélgica, já entrando na França, com chegada em Porte du Hainaut.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host