UOL Esporte Ciclismo
 
11/07/2010 - 13h10

Armstrong se envolve em quedas e diz que luta pelo octo acabou; Evans lidera

Das agências internacionais
Em Morzine-Avoriaz (FRA)

O sonho do octocampeonato de Lance Armstrong está encerrado, nas palavras do próprio ciclista. Vencedor de sete edições da Volta da França e em seu segundo Tour desde que voltou de aposentadoria, o norte-americano teve uma etapa muito ruim neste domingo, envolvendo-se em três quedas, e disse adeus à briga pela taça, enquanto o campeão mundial Cadel Evans assumiu a liderança.

  • AFP

    Lance Armstrong se envolve em queda e observa os rivais no chão; norte-americano deu adeus ao título

A oitava etapa do Tour - 189 km entre Station des Rousses e Morzine-Avoriaz - foi a primeira com grandes escaladas e acabou em aclive, com chegada a 1.796 m acima do nível do mar. Mostrando muito fôlego, Andy Schleck, o atual vice-campeão do Tour, conseguiu ficar com a vitória em 4h54min11s.

Os demais candidatos ao título tiveram poucos prejuízos, com o defensor do título Alberto Contador em quinto e agora passando a terceiro no geral. Schleck subiu para segundo na classificação, mas quem se deu bem mesmo foi o australiano Evans, dono da camiseta amarela que estava com o francês Sylvain Chavanel. Ele tem 20 segundos de vantagem para Schleck.

Lance Armstrong, que disputa seu último Tour, se envolveu em três quedas e finalizou a etapa mais de 11 minutos atrás do vencedor, com rasgos em sua roupa e ralados pelo corpo. O norte-americano foi o 61º, uma posição atrás do então líder Chavanel. No geral, agora é o 39º, 13 minutos atrás de Evans.

“Foi um dia muito, muito ruim. Meu Tour está acabado”, disse Armstrong, que ainda tem duas semanas de pedaladas. "Não vou embora, vou aproveitar junto com a minha equipe."

Com 19 quilômetros de prova, Armstrong foi retardado pela queda de um rival em sua frente, mas não chegou a colidir. Antes disso, com 50 km para o fim, ele foi parar no asfalto com o pelotão. Com outra bicicleta, seguiu na etapa. Para completar o desastre, no início da prova, no 6º quilômetro, ele e Evans se envolveram em outro problema, não caíram, mas perderam tempo.

Os incidentes ajudaram a quebrar o pelotão, que passou a um grupo com cerca de 12 ciclistas na ponta, incluindo Contador. Nos metros finais, Schleck conseguiu uma escapada com Samuel Sanchez, da Espanha, e o venceu no sprint.
 

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host