Topo

Os craques das piscinas: Gustavo Borges e R. Prado elegem top 5 da natação

GUSTAVO BORGES ELEGE OS 5 MAIORES DA NATAÇÃO

17/02/2018 04h00

Quem são os maiores da natação? A pergunta foi feita a dois dos principais nomes das piscinas brasileiras na história: Gustavo Borges, quatro vezes medalhista olímpico na década de 1990, e Ricardo Prado, medalhista olímpico e campeão mundial na década de 80.

Os dois especialistas concordam ao eleger três nomes. Eles consideram Michael Phelps, dono de 28 medalhas olímpicas, sendo 23 de ouro, o maior nadador de todos os tempos. Os norte-americanos Matt Biondi e Janet Evans também figuram no top 5 de ambos.

“Michael Phelps é o maior de todos”, pontua Ricardo Prado.

“Sou fã demais do Matt Biondi, que foi da minha geração. Ele estava terminando sua trajetória quando eu iniciava a minha e teve uma importância fantástica dentro da natação”, comenta Gustavo Borges. Biondi ganhou oito medalhas olímpicas de ouro, duas de prata e uma de bronze. Seu auge ocorreu nos Jogos de Seul, quando conquistou 5 ouros.

RICARDO PRADO ELEGE OS 5 MAIORES DA NATAÇÃO

Janet Evans é considerada a melhor em competições de longa distância e ganhou 3 ouros nas Olimpíadas de 1988, em provas de 400 e 800 metros. Em Barcelona-1992, novamente subiu ao topo do pódio nos 800 metros livre.

“Era uma garotinha levinha e pequenininha, que estava muitos anos na frente de todo mundo”, descreve Prado.

Natural de Andradina, no interior de São Paulo, Prado começou a nadar com 3 anos de idade. Aos 15, disputou a sua primeira Olimpíada, em Moscou. Aos 17, foi campeão mundial nos 400 metros medley e bateu o recorde mundial. Nos Jogos Olímpicos de 84, em Los Angeles, ganhou a medalha de prata.

Ele prefere os nadadores de provas mais longas. Por isso, escolhe o russo Vladimir Salnikov, o primeiro atleta a completar os 1500 metros livre com um tempo abaixo de 15 minutos. O feito ocorreu na Olimpíada de 1980, em Moscou. “Em 84, ele não participou em Los Angeles, por causa do boicote da União Soviética. Aí voltou em 88 e, mesmo velho, ganhou de novo. Foi ovacionado de pé, por 12 mil pessoas, e isso se repetiu no refeitório. Foi inesquecível, e até me emociono de falar”.

Fecha o top 5 de Prado o norte-americano Ryan Lochte. Contemporâneo de Phelps, participou de quatro Olimpíadas e faturou 12 medalhas (6 de ouro, 3 de prata e 3 de bronze). “Se não existisse o Phelps, ele seria muito mais popular. É um nadador de medley, as provas que eu nadava". Lochte esteve nos Jogos de 2016 e mentiu sobre um assalto em um posto de gasolina no Rio de Janeiro. Acabou sendo punido pelo Comitê Olímpico dos Estados Unidos, por causa da polêmica (a entrevista com Ricardo Prado foi gravada antes do episódio).

“Não sou muito fã de velocista. Sou fã do Cielo, é claro, mas ele é velocista, aqueles caras que pulam de um lado e saem do outro da piscina. Gosto dos caras que treinam mais, competem mais e nadam mais. Não que seja fácil ser velocista. É até mais competitivo, porque tem mais gente. Gosto de cara que sabe dosar a prova, sabe virar... Tem que ter virada numa prova, pô, senão não dá”, sorri Prado, ao finalizar sua lista.

Já Gustavo Borges prefere lembrar de Mark Spitz, norte-americano que conquistou 7 ouros nos Jogos de Munique. Ele foi o recordista de medalhas em uma única edição de Olimpíada até 2008, quando acabou superado por Phelps.

Dono de 19 medalhas em Jogos Pan-Americanos, Borges fecha sua seleção com Maria Lenk, única brasileira a estabelecer um recorde mundial nas piscinas. Ela faz parte do Hall da Fama da natação, assim como Gustavo Borges, e foi um exemplo de longevidade ao nadar até os últimos dias de seu vida – morreu aos 92 anos, em 2007. No campeonato mundial da categoria 85-90 anos, realizado em 2000, voltou de Munique com cinco medalhas de ouro.

ESPORTE(ponto final)

As entrevistas com Gustavo Borges e Ricardo Prado foram realizadas pelo ESPORTE(ponto final), um canal produzido a partir de depoimentos de ídolos sobre os grandes momentos do esporte.

A cada semana, novos episódios serão lançados na página especial do ESPORTE(ponto final). E você também pode acompanhar nas mídias sociais: youtube.com/esportepontofinal e facebook.com/esportepontofinal.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!