UOL Esporte Fórmula 1
 
02/11/2009 - 20h00

Barrichello é anunciado oficialmente como piloto da Williams

Das agências internacionais
Em Oxfordshire (Inglaterra)
Após semanas de mistério, o brasileiro Rubens Barrichello foi finamente anunciado como novo piloto da Williams nesta segunda-feira, na sede da equipe inglesa, em Oxfordshire. O companheiro do brasileiro na escuderia em 2010 será o novato alemão Nico Hülkenberg, campeão da GP2 neste ano.

Neste domingo, após a corrida em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes, Barrichello indicou em sua página no microblog Twitter sobre a sua ida para a Inglaterra e a mudança de equipe, que já estava confirmada antes do GP do Brasil, mas o piloto e a equipe insistiam em negar devido ao fato de que Barrichello ainda brigava pelo título.

"Vou nessa galera, a caminho da Inglaterra (risos) até amanhã [neste domingo] #tamojuntoateemoutraequipe", escreveu Rubinho, antes de deixar os Emirados Árabes.

A Williams será a sexta escuderia do piloto brasileiro na Fórmula 1. Antes, Barrichello pilotou para a Jordan, entre 1993 e 1996, depois ficou na Stewart entre 1997 e 1999, antes de assumir o cockpit da Ferrari entre 2000 e 2005. Rubinho ficou na Honda de 2006 a 2008 e, após a saída da equipe da Fórmula 1, correu pela Brawn na temporada deste ano.

A equipe inglesa entrou na Fórmula 1 em 1978 e teve os brasileiros Nelson Piquet, Ayrton Senna e Antonio Pizzonia na categoria antes de contratar Rubens Barrichello. Foram conquistados nove títulos de pilotos e sete de construtores pela escuderia.

O time já havia anunciado para 2010 a troca dos motores Toyota por Cosworth, assim como as saídas dos pilotos Kazuki Nakajima e Nico Rosberg foram divulgadas durante o GP dos Emirados Árabes. Rosberg deverá assumir uma vaga na Brawn GP ou na McLaren, favorecido pela Mercedes-Benz.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host