UOL Esporte Fórmula 1
 
AP Photo/Mark Baker

A chave para a vitória de Button foi a parada antecipada para colocar os pneus lisos

28/03/2010 - 13h12

Para Button, vitória traz motivação para McLaren crescer na temporada

Do UOL Esporte
Em São Paulo

Jenson Button espera que sua vitória no GP da Austrália motive a McLaren a conquistar mais sucesso na temporada. O campeão mundial superou os rivais ao parar mais cedo para colocar pneus lisos depois da chuva em Melbourne. Depois, teve perícia para conservar os pneus até o final, evitando uma nova parada.

Apesar de Button saber que a McLaren ainda precisa melhorar para acompanhar o ritmo da Red Bull, o piloto acredita que a vitória em Albert Park será um impulso no desenvolvimento da equipe.

“Queria sair correndo e gritando, porque foi uma experiência incrível”, disse Button, já à noite, quando se preparava para uma comemoração particular com a equipe e sua família. “Neste momento da minha carreira, foi muito especial, e espero que nos ajude a seguir melhorando na temporada”, acrescentou.

“Isso [a vitória] nos deu uma direção. Estamos famintos por vitórias, e essa foi só um aperitivo. Espero que isso continue após algumas melhorias. A equipe fez um grande trabalho este fim de semana. Evoluímos bastante, mas ainda não somos rápidos o suficiente. Vencer aqui com o que temos no momento é espetacular”, avaliou.

A chave para a vitória de Button este domingo foi a troca antecipada de pneus intermediários para lisos. Mas, apesar de parecer uma opção ousada, o inglês explicou que a parada foi uma necessidade. “Para mim foi ótimo. Não tinha equilíbrio com os intermediários, e achava que iria terminar em sexto, sétimo ou oitavo se não fizesse nada. Pensei que, se estava destruindo os pneus tão rapidamente, era porque a pista estava seca”, explicou Button.

“Quando colocamos os pneus lisos, já era pensando em ir com eles até o final, já que fazer uma única parada é a melhor estratégia atualmente. Mas depois de passar umas oito voltas forçando para alcançar os carros que estavam fazendo suas paradas, os pneus traseiros começaram a escorregar, e pensei que tudo poderia acabar em lágrimas”, contou Button.

“Fiz todo o possível para ajustar o carro para sair mais de frente, e consegui. Tive de conservar os pneus até faltarem umas 20 voltas, quando pude finalmente acelerar. As condições nos ajudaram e fizemos boas escolhas. Não é só uma questão de ser mais rápido, mas de fazer as opções certas, conservar os pneus e o carro, e acho que fizemos tudo certo”, finalizou o campeão.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host