UOL Esporte Fórmula 1
 
05/05/2010 - 14h07

FIA libera, e Ferrari mexe no motor para resolver problema de confiabilidade

Do UOL Esporte
Em São Paulo

A FIA deu permissão a Ferrari para fazer as modificações necessárias para resolver os problemas de confiabilidade de seu motor. Felipe Massa e Fernando Alonso enfrentaram problemas com a peça nas quatro primeiras etapas do ano. O espanhol inclusive teve de abandonar a duas voltas no fim da corrida na Malásia, por causa de uma quebra do propulsor de seu F10.

Como a Sauber, que usa os motores da escuderia italiana, também enfrentou problemas, a Ferrari fez uma investigação minuciosa para descobrir o problema em seus propulsores após o GP da China. E depois de descobrir que havia um erro no desenho da peça, o time italiano fez um pedido formal a FIA para ter permissão de fazer as modificações necessárias no projeto do motor.

O regulamento atual da Fórmula 1 impede que as equipes alterem os projetos dos motores sem autorização da entidade. O pedido da equipe de Maranello foi aprovado e as modificações já estarão prontas para os F10 no GP da Espanha, neste final de semana.

“Fizemos muitos testes, a equipe do departamento de motores trabalhou noite e dia e encontramos soluções para resolver os problemas de confiabilidade enfrentados no Bahrein e na Malásia. Pedimos e recebemos autorização da FIA para realizar as mudanças, que já estarão nos motores usados na Espanha”, explicou a Ferrari em nota oficial.

Os dois carros da equipe também terão em Barcelona a versão do duto de ar criado originalmente pela McLaren. A solução aerodinâmica será usada nos treinos livres, mas só depois de analisados os resultados da sexta-feira a Ferrari decidirá se o duto será usado na classificação e na corrida.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host