UOL Esporte Fórmula 1
 
10/06/2010 - 15h58

Após polêmica, Vettel e Webber querem 'esquecer' GP da Turquia

Das agências internacionais
Em Montreal (Canadá)

Com corrida neste domingo em Montreal, no Canadá, o alemão Sebastian Vettel e o australiano Mark Webber, ambos da Red Bull, afirmaram já terem superado o acidente entre seus carros na Turquia e querem colocar um ponto final no assunto, como forma de se prepararem apenas para o GP deste fim de semana

“Eu estou bem. Já esqueci esse incidente e estou preparado para enfrentar este fim de semana em Montreal”, disse Webber, líder do Mundial com 93 pontos.

“O que passou, passou. Não tenho mais nada a dizer. Não podemos mudar o que aconteceu”, completou Sebastien Vettel, quinto colocado no Mundial com 78 pontos.

A batida envolvendo Mark Webber e Sebastian Vettel aconteceu na 40ª volta do GP da Turquia, há duas semanas, e custou pontos preciosos para ambos, tirando a vitória da Red Bull. Por isso, na ocasião, um acusou o outro pela batida, fato que, ao menos publicamente, dá a impressão de estar superado.

Na prova, Webber, que havia largado na pole, liderava quase que de ponta a ponta e, com a colisão, acabou terminando em terceiro. Já o alemão teve de abandonar a corrida.

Se o australiano continua na liderança do Mundial, o mesmo não se pode dizer de sua equipe. Após o GP da Turquia, a escuderia foi ultrapassada pela McLaren, que agora soma 172 pontos, um a mais que a Red Bull.

“O que aconteceu foi ruim para ambos e especialmente para a nossa equipe, porque nós demos os dois primeiros lugares da prova de presente para a McLaren”, prosseguiu Vettel, se referindo ao triunfo de Lewis Hamilton e o segundo lugar de Jenson Button.

Os treinos para o Grande Prêmio de Montreal começam nesta sexta-feira, às 11h (horário de Brasília). A prova está marcada para domingo, às 13h.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host