Topo

Fórmula 1


Para ajudar Ferrari, Rosberg convida Vettel para reunião na Mercedes

Clive Mason/Getty Images
Nico Rosberg foi o segundo colocado na abertura da temporada, na Austrália Imagem: Clive Mason/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

2015-03-17T07:46:08

17/03/2015 07h46

Sebastian Vettel, da Ferrari, terá a entrada liberada para participar da reunião que a equipe Mercedes faz após os treinos livres no próximo GP da Fórmula 1, na Malásia. O convite oficial foi feito por Nico Rosberg por meio de seu twitter após o alemão questionar durante a coletiva de imprensa do GP da Austrália, no último final de semana, se os pilotos do time germânico gostariam de ter mais concorrência vinda dos demais, como afirmam.

Lewis Hamilton e Nico Rosberg chegaram 34 segundos na frente de Vettel, terceiro colocado, na corrida de abertura do mundial, em Melbourne. Na coletiva, Rosberg afirmou que gostaria de ver a Ferrari de seu compatriota melhorando rapidamente para que eles pudessem, também, disputar vitórias.

“Nas próximas corridas vamos liderar e vamos tentar que permaneça assim, mas sabemos que seria bom se eles chegassem um pouco mais perto, contando que não seja perto demais”, afirmou Rosberg.

Sentado ao seu lado na coletiva, Vettel estranhou a declaração. “Seja sincero. É verdade? Você chega 30 segundos na frente e espera que a diferença fosse menor? Você espera que vocês fiquem mais lentos?”

O vice-campeão do ano passado respondeu, dizendo que ter a concorrência da Ferrari “seria importante para o esporte e para os fãs”, uma vez que a Mercedes vem dominando desde o ano passado. “Eu penso sobre o espetáculo. Sei que se vocês chegassem mais perto seria ótimo para várias pessoas.”
Vettel, então, propôs que a Mercedes liberasse o acesso de seus boxes para o público, “para que todos possam dar uma olhada”.

Foi então que surgiu o convite de Rosberg: “Venha se quiser, podemos convidar você. Pode ser na sexta-feira, na Malásia?” E o tetracampeão respondeu: “sala dos engenheiros, na reunião. Eu estarei lá.”

Nesta terça-feira, Rosberg confirmou que o convite está de pé. “Seb, tomara que você esteja lendo. Eu o convido oficialmente para nossa reunião de engenheiros na sexta-feira no GP da Malásia, às 16h. Estou animado para vê-lo”, escreveu. Minutos depois, deixou claro que havia pedido permissão aos chefes da equipe e que o convite, de fato, era sério.