Fórmula 1

Testes da F-1 começam na segunda, e acidente de um ano atrás teve mistério

Mark Thompson/Getty Images
Imagem: Mark Thompson/Getty Images

Julianne Cerasoli

Do UOL, em São Paulo

20/02/2016 06h03

A Fórmula 1 se prepara para iniciar a pré-temporada nesta segunda-feira, com duas baterias de quatro dias de teste, ambas realizadas no Circuito da Catalunha, mesmo que recebe o GP da Espanha.

Os testes serão abertos exatamente um ano depois do dia mais marcante da pré-temporada do ano passado, quando Fernando Alonso sofreu um acidente - ainda hoje mal explicado - que o tirou da primeira etapa do campeonato.

Mas a batida não foi a única notícia da preparação para a última temporada. Entre pistas falsas e indicativos que se confirmaram ao longo de 2015, relembre o que aconteceu nos testes do ano passado.

Mistério de Alonso
Quem mais deu o que falar durante os testes foi Fernando Alonso. O espanhol sofreu um acidente até hoje mal explicado no final da segunda bateria de testes e perdeu a parte final da pré-temporada e a primeira etapa, disputada na Austrália. A explicação oficial é de que uma rajada de vento fez o piloto perder o controle e, como sofreu uma concussão, os médicos acharam mais prudente atrasar ao máximo seu retorno às pistas. Porém, os poucos danos sofridos pelo carro, o desencontro de informações e a tal desculpa do vento, que virou piada dentro do paddock - até mesmo o próprio Alonso contradisse a equipe, afirmando que “nem um furacão moveria o carro na velocidade em que eu estava” - fazem deste acidente um dos mais mal explicados da história recente da F-1.

Os sinais da Mercedes
Eles não dominaram todos os dias de testes, longe disso, mas os pilotos da Mercedes, Lewis Hamilton e Nico Rosberg, que venceriam 16 das 19 etapas disputadas no campeonato, terminaram os testes com os dois melhores tempos. Nico, contudo, foi pouco menos de 0s3 mais rápido que Lewis, que dominou com facilidade o campeonato.

Ferrari esboçava reação
A Ferrari foi a segunda força do campeonato, única capaz de bater as Mercedes ao longo do ano, com três vitórias. Porém, na pré-temporada, o time, apesar de ter demonstrado evolução em relação ao ano anterior e chamar a atenção dos rivais, apareceu como terceira força, atrás da Williams. O time de Felipe Massa e Valtteri Bottas, inclusive, marcou tempos próximos aos da Mercedes nos testes, com o finlandês terminando as práticas a apenas 4 centésimos de Hamilton. Durante o ano, contudo, eles conquistaram apenas quatro pódios no total.

Até Nasr liderou
O estreante Felipe Nasr chegou a liderar um dos dias de testes na primeira das três baterias, realizada no circuito de Jerez, e a Sauber foi a equipe que fechou a pré-temporada com mais quilometragem - 545 voltas no total, contra 488 da Ferrari. De fato, a confiabilidade contou a favor do time no início do campeonato, com os dois carros conseguindo chegar nos pontos - Nasr, com um impressionante quinto lugar - na primeira prova. Porém, sem dinheiro para desenvolver o carro, o time foi perdendo terreno ao longo do ano e terminou em antepenúltimo, à frente apenas de McLaren e Manor.

Pesadelo da McLaren já começava
A pré-temporada já demonstrava a temporada difícil pela frente da McLaren: com muitas quebras, especialmente relacionadas à unidade de potência da Honda, que fazia seus primeiros quilômetros na ocasião, o time só deu 177 no total, o equivalente a menos de um terço do que a Sauber andou. Tanto, que Fernando Alonso passou o ano todo dizendo que cada prova funcionava como parte da pré-temporada para sua equipe.

A temporada da Fórmula 1 começa com o GP da Austrália, dia 20 de março.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Grande Prêmio
Grande Prêmio
Blog do Carsughi
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
AFP
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Blog do Carsughi
Redação
Topo