Topo

Fórmula 1

Mirando pontos, Haas apresenta carro para temporada de estreia na Fórmula 1

Do UOL, em São Paulo

21/02/2016 11h04

A Haas divulgou neste domingo seu carro para a temporada 2016 da Fórmula 1, que marca a estreia da equipe na categoria. O modelo, batizado de VF-16 (sendo VF sigla para 'Very First', ou 'primeiríssimo' em inglês), será pilotado pelo francês Romain Grosjean e pelo mexicano Esteban Gutierrez. 

O carro é majoritariamente pintado em tons claros e escuros de cinza, com detalhes em vermelho - esquema que, segundo a equipe, faz referência ao maquinário da Haas Automation, braço industrial da marca. Inicialmente, a escuderia norte-americana – que conta com a Ferrari como parceira – não apresenta patrocinadores de destaque.

A equipe, cujas operações se dividem entre Banbury (Inglaterra) e Kannapolis (Estados Unidos), aposta em um chassi construído pela fabricante italiana Dallara. A Ferrari, além de fornecer motores, é responsável por câmbio e outros componentes do carro.

Divulgação
Equipe parceira da Ferrari não mostra patrocinadores em carro para 2016 Imagem: Divulgação

“A Haas Automation tem uma excelente reputação nos Estados Unidos. Queremos que esta reputação cresça mundialmente. Conectar a Haas Automation à Fórmula 1, no nome e na prática, é a melhor maneira para aumentar nosso negócio e elevar a Haas Automation à condição de marca global”, anunciou Gene Haas, chefe da equipe.

Nas pistas, os objetivos iniciais são modestos. “Nossa meta com este carro é marcar pontos”, disse Günther Steiner, chefe de equipe da Haas. “Primeiro, precisamos mostrar que podemos fazer o serviço. Depois, que podemos terminar corridas, que somos respeitados pelos fãs e pelas outras equipes. Depois, queremos marcar pontos. Este é o objetivo definitivo.”

A escuderia é a sétima a apresentar seu carro para a temporada 2016. Antes, Renault, Red Bull, Williams, Ferrari, McLaren e Mercedes já mostraram suas novidades, embora a Red Bull tenha apenas mostrado a pintura nova no modelo de 2015.

A Haas F1 será a primeira equipe dos EUA na Fórmula 1 em três décadas. A última participante norte-americana na categoria correu na temporada 1986: a Haas - que, apesar do nome, não tem qualquer relação com a atual Haas F1.

Na época, o time chefiado por Carl Haas (que posteriormente chefiou a Newman-Haas na Fórmula Indy) ficou conhecida como Beatrice, em virtude de seu patrocínio máster. Mais tarde, o time também foi chamado de Haas-Lola, graças à parceria com a Lola, fabricante britânica de carros de corrida.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!