Topo

Fórmula 1

Após três vitórias, Nico Rosberg chega a marca que só campeões atingiram

Johannes Eisele/AFP
Imagem: Johannes Eisele/AFP

Do UOL, em São Paulo

17/04/2016 06h21

Quando Nico Rosberg venceu as três últimas provas do ano passado, muitos diziam que o alemão estava se aproveitando de um possível relaxamento do companheiro Lewis Hamilton após a conquista antecipada do título. Porém, a sequência continua em 2016, com as três vitórias seguidas neste início de temporada.

Os resultados das etapas da Austrália, Bahrein e China levaram Rosberg a uma estatistica que pode preocupar Hamilton na busca pelo tetracampeonato: o alemão é o décimo na história a vencer as três primeiras etapas. E, em todas as nove vezes que isso aconteceu, o dono da sequência foi campeão da temporada.

Mantendo uma abordagem de disputar prova a prova, sem querer falar em campeonato por enquanto, Rosberg lembrou que a prova só não foi perfeita porque, a exemplo das provas anteriores, a Mercedes não largou bem, permitindo que Daniel Ricciardo pulasse na ponta.

“A largada não foi boa o bastante. Daniel conseguiu sair bem, mas eu tinha um carro muito rápido hoje e estava me sentindo ótimo. Ataquei-o deste o começo e consegui abrir uma vantagem depois disso”, disse o alemão, ignorando o furo de pneu sofrido pelo australiano no momento em que perdeu a liderança.

A partir daí, a vida de Rosberg foi tranquila. “Não vi nada. Só sabia a diferença [para o segundo]. Só tentava aumentar a diferença o máximo possível e estou feliz que tenha funcionado.”

Com o resultado, Rosberg abriu 36 pontos de vantagem para Hamilton no campeonato, após mais uma corrida complicada para o inglês, que largou em último e foi sétimo.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!