Topo

Fórmula 1

Verstappen precisa de apenas 24 provas para superar o pai, que fez 107

REUTERS/Juan Medina
Max Verstappen comemora vitória no Grande Prêmio da Espanha Imagem: REUTERS/Juan Medina

Julianne Cerasoli

Do UOL, em Barcelona (ESP)

15/05/2016 12h19

O prodígio Max Verstappen, de 18 anos, precisou de muito menos tempo e provas para superar o que seu pai Jos Verstappen fez ao longo de toda a sua carreira na Fórmula 1.

O novo piloto da Red Bull, que entrou na categoria no ano passado, chegou ao seu primeiro triunfo logo na 24ª vez que alinhou no grid.

Já o pai participou efetivamente de 107 corridas e teve como melhores resultados dois terceiros lugares, nos Grande Prêmios da Hungria e da Bélgica, em 1994. 

"Desde muito cedo, meu pai me ajudou muito", resumiu o vencedor do Grande Prêmio da Espanha.

Jos Verstappen esteve na Fórmula 1 entre as temporadas de 1994 e 1998 e depois voltou para um segundo ciclo entre 2000 e 2003. Sua melhor classificação ao fim de um campeonato foi justamente no ano de estreia, quando foi o décimo.

"Todos sabemos que ele é um bom piloto e está em uma boa equipe. O fato de ele ser o mais jovem é só algo que aconteceu de ser assim. Eu corri com o pai dele, então isso torna as coisas mais assustadoras", afirmou Kimi Raikkonen, segundo colocado no GP deste domingo.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!