Topo

Fórmula 1

"Não posso descartar a Sauber", diz Nasr sobre onde correr em 2017

AP Photo/Christian Palma
Imagem: AP Photo/Christian Palma

Julianne Cerasoli

Do UOL, em Montreal (CAN)

14/06/2016 06h00

A situação financeira e técnica do time pode não ser das melhores, mas Felipe Nasr admite que não pode descartar a Sauber como uma de suas opções para o ano que vem. Falando ao UOL Esporte no Canadá, onde disputou a sétima etapa do campeonato no último final de semana, o piloto afirmou que a permanência no time pelo qual estreou na Fórmula 1, em 2015, não está descartada.

“Minha primeira opção continua sendo aqui, é claro. É a equipe com a qual eu tenho um contrato até o final do ano. Mas eu tenho de colocar na mesa e ver o que será possível. Não posso descartar a Sauber.”

Nas últimas semanas, especialmente depois da polêmica do GP de Mônaco, quando optou por não acatar ordens de equipe e se envolveu em um acidente com o companheiro Marcus Ericsson, Nasr havia dado a entender que não pensava na permanência na Sauber. Em eventos promocionais realizados no Brasil antes do GP do Canadá, o brasiliense chegou a afirma que tinha “mais de uma opção” para a próxima temporada.

O contrato de Nasr com a Sauber termina ao final desta temporada. Depois de marcar 27 pontos em seu ano de estreia, o brasileiro vem sofrendo com a falta de competitividade do time, que enfrenta sérias restrições financeiras, e não marcou nenhum ponto até aqui em 2016.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!