Fórmula 1

Massa lamenta volta na hora errada e Nasr sofre com pneus na Áustria

Kerstin Joensson/AP
Imagem: Kerstin Joensson/AP

Julianne Cerasoli

Do UOL, em Spielberg (AUT)

02/07/2016 11h48

Felipe Massa esperava mais do que a décima colocação no grid de largada do GP da Áustria, mas as situações climáticas complicadas acabaram atrapalhando o piloto brasileiro, o primeiro a colocar pneus de seco nos minutos finais, quando a chuva que caiu no meio da sessão parou.

Isso fez com que Massa fosse sempre o primeiro a cruzar a linha de chegada, pegando sempre a pista, que evoluía rapidamente, mais molhada que os rivais.

“O único problema é que fui o primeiro carro a começar a volta e a pista vinha melhorando um monte a cada segundo. Sem dúvida, o último carro que começou a volta pegou a pista mais seca. Mas faz parte neste tipo de classificação”, disse o piloto da Williams, que frisou a importância do trabalho com os pneus para a corrida, uma vez que os pneus ultramacios estão durando muito pouco na pista de Spielberg..

“Temos de trabalhar muito com o pneu. Manter o pneu em uma boa condição é o caminho ideal. Não será fácil, mas vamos tentar fazer o melhor.”

Para a Sauber de Felipe Nasr, os pneus ultramacios foram problemáticos até mesmo na classificação. O brasileiro chegou, inclusive, a colocar os supermacios, teoricamente mais lentos, para melhorar a sensação que tinha do carro, mas uma bandeira amarela acabou atrapalhando sua tentativa final.

Com isso, o brasileiro fecha a última fila, ao lado do companheiro Marcus Ericsson.

“Foi até pior do que a gente imaginava principalmente pelos pneus ultramacios não terem se encaixado bem, principalmente para mim. No final, eu coloquei o pneu supermacio e vinha melhor. Não tivemos a chance de fazer essa comparação entre os dois pneus nos treinos e vi que, para mim, foi melhor. Se não fosse a bandeira amarela, que me obrigou a tirar o pé no segundo setor, eu vinha fazendo um tempo melhor com o pneu que não tem, teoricamente, a mesma aderência. Acho que as outras equipes souberam entender melhor o ultramacio.”

Para a corrida, contudo, Nasr acredita que a Sauber pode crescer fazendo uma estratégia diferente dos rivais.

“Acho que vai ser uma prova dura para os pneus se tiver o mesmo calor dos últimos dias, principalmente com o pneu ultramacio, que não funcionou bem no nosso carro. Acho que, do lugar onde estamos largando, temos uma flexibilidade de estratégia e podemos usar isso para ter um bom resultado.”

O GP da Áustria tem largada às 9h pelo horário de Brasília.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Grande Prêmio
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Blog do Carsughi
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Topo