Fórmula 1

Ponto marcado por nanica na Áustria coloca pressão no time de Felipe Nasr

Kerstin Joensson/AP
Imagem: Kerstin Joensson/AP

Julianne Cerasoli

Do UOL, em Spielberg (AUT)

03/07/2016 13h40

O ponto conquistado por Pascal Wehrlein no GP da Áustria, o primeiro da Manor desde que Jules Bianchi foi nono colocado no GP de Mônaco de 2014, coloca pressão na equipe Sauber, que agora carrega a lanterna do Mundial de Construtores.

O time de Felipe Nasr e Marcus Ericsson é o único que não marcou pontos nesta temporada. Caso o cenário permaneça igual, isso fará com que a Sauber fique de fora da divisão do dinheiro vindo dos direitos comerciais e de transmissão da F-1, uma vez que apenas as 10 equipes mais bem colocadas participam da divisão.

“Isso significa que a equipe em si precisa reagir, que nós todos temos de reagir. E isso quer dizer desenvolver o carro. Na corrida da Áustria, se eu tivesse tido um pouco mais de sorte - caso o Safety Car tivesse chegado um pouco depois - era um GP para chegar nos pontos. Mas claramente está na hora de atualizar o carro, o que está programado para acontecer depois de Silverstone”, disse Nasr, que terminou em 13º depois de andar por boa parte da prova dentro do top 10.

A falta de sorte à qual o brasileiro se refere é o fato de ter tido de fazer sua única parada da prova depois que os carros estavam mais próximos devido ao Safety Car provocado por Sebastian Vettel. Caso tivesse parado naquele momento, os pneus supermacios não aguentariam até o fim.

Confira classificação final:

1. Lewis Hamilton ING Mercedes-Mercedes 71 voltas
2. Max Verstappen HOL Red Bull-Renault +5.7s
3. Kimi Raikkonen FIN Ferrari-Ferrari +6.0s
4. Nico Rosberg ALE Mercedes-Mercedes +26.7s*
5. Daniel Ricciardo AUS Red Bull-Renault +30.9s
6. Jenson Button ING McLaren-Honda +37.7s
7. Romain Grosjean FRA Haas-Ferrari +44.6s
8. Carlos Sainz Jr ESP Toro Rosso-Ferrari +47.4s
9. Valtteri Bottas FIN Williams-Mercedes +1 volta
10. Pascal Wehrlein ALE Manor-Mercedes +1 volta

11. Esteban Gutierrez MEX Haas-Ferrari +1 volta
12. Jolyon Palmer ING Renault-Renault +1 volta
13. Felipe Nasr BRA Sauber-Ferrari +1 volta
14. Kevin Magnussen DIN Renault-Renault +1 volta
15. Marcus Ericsson SUE Sauber-Ferrari +1 volta
16. Rio Haryanto INA Manor-Mercedes +1 volta
17. Sergio Perez MEX Force India-Mercedes +2 voltas


Abandonaram
19. Fernando Alonso ESP McLaren-Honda
20. Nico Hulkenberg ALE Force India-Mercedes
20. Felipe Massa BRA Williams-Mercedes
21. Sebastian Vettel ALE Ferrari-Ferrari
22. Daniil Kvyat RUS Toro Rosso-Ferrari

*punido pela batida com Lewis Hamilton com o acréscimo de 10s ao tempo total.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
AFP
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Blog do Carsughi
Redação
Redação
Grande Prêmio
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Topo