Fórmula 1

Alonso desdenha de campanha de Button em 2015 e se diz amigo de Massa

Dan Istitene/Getty Images
Imagem: Dan Istitene/Getty Images

Julianne Cerasoli

Do UOL, em Barcelona (ESP)

15/07/2016 06h00

Fernando Alonso viveu uma situação inédita em sua carreira no final do ano passado: pela primeira vez foi superado em número de pontos por um companheiro de equipe, na primeira temporada em que correu ao lado de Jenson Button na McLaren. O espanhol, contudo, defende que a comparação não é das mais justas e prefere usar o atual campeonato, em que vem superando-o em classificações e corridas, como parâmetro.

“Acho que todos os meus companheiros são diferentes. Ano passado era difícil termos corridas em que tínhamos as mesmas condições porque sempre tínhamos algum problema de motor. Acho que usamos 11 ou 12 motores na temporada. Este ano está um pouco mais justo e, sim, ele é rápido”, disse Alonso ao UOL Esporte. “Ele tem experiência e acho que somos muito bons trabalhando juntos em termos de ajudar a Honda, especialmente do lado da unidade de potência com a experiência que Jenson teve com a Mercedes em 2014 e eu com a Ferrari. Então acho que temos muitas informações para dar.”

Além de Button, o companheiro que mais deu trabalho a Alonso foi Lewis Hamilton, com quem o espanhol empatou em número de pontos e perdeu nos critérios de desempate no único ano em que estiveram juntos na McLaren, em 2007. “Entre todos os companheiros, é difícil escolher quem era o mais rápido. Obviamente, Hamilton era rápido no primeiro ano.”

Entre os companheiros com que teve melhor relação, Alonso destaca dois pilotos de origem latina: o italiano Giancarlo Fisichella, com quem pilotou nos anos de seus títulos mundiais, pela Renault, e o brasileiro Felipe Massa, ao lado que quem esteve por quatro anos na Ferrari.

“Minha melhor época provavelmente foi com Fisico (apelido de Fisichella) porque era uma relação boa também fora da pista. Ele é um cara legal e ficávamos muito tempo juntos no Quênia com Flavio [Briatore, que tinha um hotel no país africano] e coisas do tipo. Então provavelmente foi meu melhor companheiro em termos de diversão”, disse. “Outro cara com que passei mais tempo foi o Felipe e ainda tenho uma boa relação com ele, é um dos meus melhores amigos do paddock. Até fui em um evento de kart dele no Brasil e foi bem divertido.”

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Redação
Redação
Redação
Blog do Carsughi
Blog do Carsughi
UOL Esporte
Redação
Redação
Redação
Blog do Carsughi
Redação
Redação
Blog do Carsughi
Blog do Carsughi
Blog do Carsughi
Redação
Blog do Carsughi
Redação
Redação
AFP
Redação
Blog do Carsughi
Blog do Carsughi
Blog do Carsughi
Blog do Carsughi
Redação
Blog do Carsughi
Blog do Carsughi
Redação
Redação
Blog do Carsughi
Redação
Redação
Blog do Carsughi
Redação
Blog do Carsughi
Blog do Carsughi
Redação
Blog do Carsughi
Redação
Blog do Carsughi
Redação
Blog do Carsughi
Redação
Blog do Carsughi
Redação
Redação
Redação
Redação
Blog do Carsughi
Da Redação
Topo