Fórmula 1

Button será 3º na história a chegar a 300 GPs. E mira em recorde de Rubinho

Paul Gilham/Getty Images
Primeira vitória, pela Honda em 2006, foi um dos melhores momentos da carreira segundo o piloto Imagem: Paul Gilham/Getty Images

Julianne Cerasoli

Do UOL, em Sepang (Malásia)

26/09/2016 06h00

Semanas depois de anunciar que tirará um ano sabático na próxima temporada da Fórmula 1, Jenson Button vai se tornar, neste final de semana, apenas o terceiro piloto da história a chegar na marca de 300 largadas na carreira. E, caso o plano de voltar ao grid em 2018 se concretize, pode estar a caminho de quebrar o recorde de Rubens Barrichello de 323 GPs disputados.

Em entrevista ao UOL Esporte, o piloto da McLaren salientou que a marca mostra que ele teve uma carreira de sucesso.

“Não é isso que eu vim para a Fórmula 1 para conquistar, mas é claro que significa algo. Significa que eu experimentei diferentes carros na categoria, o que é legal. Passei pelos motores V10, V8 e agora estou no V6. Passei por várias mudanças que aconteceram. Se você vir as voltas mais rápidas da história, a maioria em 2004, eu estava lá. E também conquistei muito”, afirmou.

“Acho que é um número bacana porque quer dizer que eu passei por muita coisa, tenho ótimas lembranças. E é claro que significa que eu tive sucesso porque não estaria aqui se as pessoas não me quisessem.”

Entre os melhores momentos da carreira que começou no GP da Austrália de 2000, Button destacou a primeira vitória, uma zebra, sob chuva, no GP da Hungria de 2006, a primeira corrida em casa e conquistas em circuitos tradicionais do calendário.

“A primeira vitória é sempre emocionante. Mas o meu primeiro GP da Inglaterra também foi muito legal. Classifiquei-me em sexto e ultrapassei Michael Schumacher na primeira curva. Foi o início perfeito. Terminei em quinto, mas fiz metade da prova com nove cilindros porque um deles tinha quebrado. David Coulthard ganhou, então foi um final de semana perfeito para os torcedores britânicos. Vencer no Japão e em Spa também foram momentos especiais para mim.”

Além de Barrichello, apenas Michael Schumacher disputou mais de 300 GPs na carreira, tendo feito 307. Outro que deve chegar neste número, na próxima temporada, é Fernando Alonso, que atualmente tem 267 GPs no currículo.

O GP da Malásia terá treinos livres a partir da quinta-feira no Brasil, às 23h. O segundo treino será na madrugada de sexta, às 3h. A classificação será às 6h do sábado e a corrida terá largada a partir das 4h do domingo.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
UOL Esporte
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Grande Prêmio
Blog do Carsughi
Grande Prêmio
Esporte Ponto Final
UOL Esporte
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Blog do Carsughi
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Topo