Fórmula 1

Pole em Interlagos, Hamilton faz campanha por manutenção do GP Brasil

AP Photo/Nelson Antoine
Lewis Hamilton guia sua Mercedes no treino do GP do Brasil em Interlagos Imagem: AP Photo/Nelson Antoine

Gustavo Franceschini, Julianne Cerasoli e Luiza Oliveira

Do UOL, em São Paulo

12/11/2016 15h21

Lewis Hamilton deu o primeiro passo para impedir o título antecipado de Nico Rosberg em Interlagos ao conseguir a pole position do GP do Brasil. Depois de garantir a primeira posição, porém, o inglês não quis destacar sua conquista e, sim, a importância da manutenção da corrida de Interlagos no calendário.

O tricampeão, que tem como tradição correr com capacetes alusivos ao Brasil na etapa paulistana, revelou que a prova de Interlagos é especial para ele desde a infância.

“O GP do Brasil é histórico para mim. Eu cresci assistindo às corridas aqui e nos videogames que eu jogava sempre era o primeiro GP do calendário - o que, obviamente, faz tempo. E também por ser a casa de Ayrton, sempre foi uma corrida especial para mim. A pista é rápida e os torcedores são incrivelmente apaixonados. É impressionante ver quanta energia eles trazem, com cores tão bonitas”, disse.

Comentando sobre a ameaça do país ficar de fora do calendário ano que vem, uma vez que a etapa ainda aparece em dúvida no calendário provisório, Hamilton lembrou das dificuldades financeiras pelas quais o país vem passando, mas destacou a presença da torcida.

“Tenho consciência da batalha econômica que as pessoas daqui estão travando e tomara que as coisas melhorem. É uma corrida que faz parte da herança da Fórmula 1 e é um daqueles circuitos originais, que mobilizam muitos fãs - enquanto em vários lugares para os quais vamos não temos um terço dos torcedores que temos aqui. Mas também entendo que é preciso de muita coisa para fazer um evento como este e as pessoas estão fazendo grandes sacrifícios pela corrida.”

O inglês também destacou o trabalho da Mercedes, que foi mais de seis décimos mais rápida que os rivais mais próximos mesmo em um circuito curto como Interlagos.

“É memorável o que esse time tem feito. Um trabalho de equipe incrível. Isso é o melhor que eu poderia esperar do Brasil. É minha segunda pole aqui e estou muito feliz”, disse Hamilton.

O domínio é, de fato, impressionante. Das 19 corridas do ano, só uma vez um carro da equipe alemã não largou na pole. Foi em Monaco, quando Daniel Ricciardo conseguiu coloca a sua Red Bull na frente das Mercedes. 

A pole de Hamilton foi conquistada com o tempo de 1'10"736, um décimo mais rápido que Rosberg, segundo colocado no grid. Kimi Raikkonen, Max Verstappen e Sebastian Vettel completam os cinco primeiros do treino de classificação. 
 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Blog do Carsughi
Redação
Redação
Grande Prêmio
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Blog do Carsughi
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Redação
Redação
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Grande Prêmio
Topo